Mangaka – Lições de Akira Toriyama, da Conrad, chega às bancas e livrarias

Por Marcelo Naranjo
Data: 15 novembro, 2002

Por Marcelo Naranjo, sobre o Press Release

MangakaA Conrad Editora está lançando no Brasil um manual do maior mestre arte seqüencial japonesa na atualidade. Mangaka: Lições de Akira Toriyama (14 x 21 cm, 192 páginas em preto e branco, R$ 17,90) desvenda as técnicas e os mistérios do sucesso de Akira Toriyama.

A febre do mangá e do animê toma conta do Brasil. Seus personagens ilustram capas de cadernos, lancheiras e videoclipes de grupos de techno, e até mesmo os clássicos super-heróis norte-americanos têm ganhado novas versões, em traços baseados na forma japonesa de se fazer quadrinhos.

No horário nobre infantil da televisão brasileira, os principais personagens dos desenhos animados possuem olhos grandes e trazem para o País um pouco daquilo que é mania em todo Oriente, e que já conquistou também a Europa e os Estados Unidos.

O Japão é, seguramente, o país que mais produz e consome quadrinhos. Dragon Ball é a série de mangás de maior sucesso no mundo; e seu criador, Akira Toriyama, é o quadrinhista japonês mais cultuado na atualidade. Suas edições se espalham pelos quatro cantos do mundo.

No Brasil, Toriyama chegou à impressionante marca de seis milhões de revistas produzidas, entre Dragon Ball, Dragon Ball Ze Dr. Slump. Isso tudo em apenas dois anos nas bancas brasileiras.

A importância deste manual é, no mínimo, fundamental para aspirantes a quadrinhistas. Em parceria com Akira Sakuma, Toriyama criou este guia para todos os interessados em aprender a fazer mangás. Um passo a passo para ajudar as novas gerações no gênero da arte seqüencial que mais cresce no planeta.

O livro foi publicado originalmente em capítulos na revista Shonen Jump, da tradicional editora Shueisha Inc., responsável não só pela publicação original de clássicos de Toriyama, como Dr. Slump e Dragon Ball, mas também de séries como Cavaleiros do Zodíaco (Nota do UHQ: os três também editados pela Conrad), Samurai X, Yu Yu Hakusho (Nota do UHQ: os dois últimos publicados no Brasil pela JBC) e muitas outras.

No livro, Toriyama analisa desde o processo de criação de um personagem e o uso dos diversos materiais de desenho, até a apresentação de originais para uma editora. E tudo isso permeado pelo seu humor alucinado e surreal. O autor não poupa nem a si mesmo.

Enfim, este é um livro essencial para fãs e para os candidatos a mangaka (como são conhecidos os quadrinhistas japoneses), mas não só: é também indispensável para todos os interessados na linguagem dos quadrinhos e na cultura japonesa moderna.

O autor – Akira Toriyama estreou nos mangás em 1978, na revista Shonen Jump, com uma história chamada Wonder Island.

Em 1980, Toriyama lançou seu primeiro grande sucesso: Dr. Slump, que vendeu mais de 29 milhões de cópias, e gerou uma longa série de desenhos animados.

Quatro anos depois, apresentou aos leitores Son Goku, o astro de Dragon Ball. A série tornou-se o mangá de maior sucesso mundial em todos os tempos, com mais de 100 milhões de cópias vendidas, somente no Japão, e o seu desenho animado também alcançou enorme popularidade no mundo inteiro. Dragon Ball foi encerrado no Japão em 1995, mas ainda hoje conquista fãs em todo o planeta.

No entanto, o sucesso comercial não é o maior destaque das suas criações. Akira Toriyama é um artista raro, que faz da natureza humana a essência de seu trabalho. Valores como amizade, superação pessoal, bom humor, esperança e amor recheiam seus mangás, e tornam seus personagens extremamente cativantes e inesquecíveis.

• Outros artigos escritos por

.

.

.