Novas oficinas de quadrinhos em São Vicente

Por Equipe UHQ
Data: 13 setembro, 2002

Fonte: Press Release

De setembro a dezembro de 2002, três escolas de São Vicente terão oficinas de Noções Básicas de Histórias em Quadrinhos, desenvolvidas pelo Estúdio Amborê HQ de forma voluntária, através dos projetos Parceiros do Futuro, do Governo do Estado de São Paulo e Amigos da Escola, da Rede Globo.

Sob a coordenação de Fábio Tatsubô, as oficinas são gratuitas e estão acontecendo todos os sábados de manhã, nas seguintes escolas:

Escola Estadual Prof. Ênio Vilas Boas, do Jardim Pompeba que iniciou o segundo ciclo com três turmas: Infantil, Adolescente e Avançado, com a monitoria de André Prata, Anderson Soares e Duda Pereira.

Escola Estadual Margarida Rodrigues Pinho, na Vila Margarida, com a monitoria de Danieli Emiliano, Joyce de Almeida e Victor Nascimento com duas turmas: Infantil (9 a 13 anos) e Adolescente (de 14 a 17 anos).

Escola Municipal República de Portugal, com a monitoria de André Reis e Clinton Elshoult, com duas turmas: Infantil (9 a 13 anos) e Adolescente (de 14 a 17 anos).

As inscrições foram realizadas na própria escola, buscando atingir os alunos e a comunidade do local. Ao todo, são mais de 120 inscritos nas três escolas.

Durante os três meses de oficina, os alunos terão aulas de noções básicas de desenho, criação de personagens e cenários, além de roteiro e noções básicas de produção gráfica.

No final da oficina, em dezembro, serão entregues os certificados de participação da oficina e haverá a apresentação do resultado do trabalho desenvolvido em sala de aula, com exposições de charges e caricaturas, além do lançamento de uma publicação com os melhores trabalhos.

Segundo Fábio Tatsubô, esta é uma ótima oportunidade para sedimentar a participação de agentes culturais em projetos sociais. “O grande combustível deste projeto é a boa vontade, o Amigos da Escola e o Parceiros do Futuro são uma grande experiência. A idéia é que esta ação se multiplique, e todos possam participar, a comunidade, a administração pública, a iniciativa privada e os órgãos de comunicação”, disse.

Para a diretora da E. E. Prof. Enio Vilas Boas, Ione Stuchi, é muito importante a participação dos ex-alunos no projeto Amigos da Escola. “Estou muito satisfeita, conseguimos realizar um belo trabalho. Para os monitores é uma grande oportunidade de ganhar experiência, e torcemos que todos estes talentos possam, no futuro próximo, exercer a arte como a profissão de cada um deles”, relatou.

Para mais informações, entre em contato com Fábio Tatsubô pelo telefone 0XX-13-3467-2007.

• Outros artigos escritos por

.

.

.