Os melhores quadrinhos de 2015

Por Samir Naliato
Data: 12 janeiro, 2016

O mercado brasileiro de quadrinhos teve outro ano efervescente, com milhares de lançamentos de editoras e autores independentes. Dentro dessa imensa variedade, listamos os principais destaques, na opinião da equipe do Universo HQ.

 

2015 foi extremamente movimentado para o mercado nacional de quadrinhos. A variedade de lançamentos continua crescendo e o número de editoras e autores independentes acompanha esse bom momento.

Além disso, pela primeira vez, os dois maiores eventos do segmento – o FIQ e a CCXP – foram realizados no mesmo ano, algo que só voltará a se repetir em 2017. Isso sem falar na Fest Comix, na ComicCon RS e outras menores, como Santos Comic Expo e GO! HQ.

Como já virou tradição, desde 2006 o Universo HQ divulga uma lista dos melhores quadrinhos publicados no ano. Desde 2012, esse rol passou a ser um apanhado matemático dos títulos indicados mês a mês, como resultado da leitura da equipe do site. Para entender o porquê, clique aqui.

Os critérios de avaliação são simples: ser uma história em quadrinhos (livro ilustrado não vale) e ter sua publicação no Brasil iniciada ou concluída entre 1° de janeiro e 31 de dezembro.

Ao todo, são 60 obras listadas, sendo 30 para materiais inéditos e outros 30 para materiais republicados. E você pode clicar nos links para conferir resenhas e notícias a respeito de cada uma delas. A relação das HQs é disposta em ordem alfabética, sem qualquer ranqueamento.

Nas republicações, só são consideradas obras que efetivamente ganharam uma nova edição e não meramente uma reimpressão.

Uma prova de que os materiais nacionais têm ganhado não apenas em quantidade, mas também em qualidade, é que, pela terceira vez desde que o Universo HQ passou a fazer esta lista, houve maioria de títulos brasileiros inéditos: são 20, neste ano. E outros também muito bons figuraram nas menções honrosas.

Então, confira abaixo quais foram os melhores quadrinhos de 2015, na opinião da equipe do Universo HQ!

Obras inéditas

A propriedade
A propriedade
(WMF Martins Fontes)
comprar

ArdalénArdalén
(Realejo Livros)

Dias interessantesDias interessantes (independente)

DodôDodô
(independente)

FifoFifo
(independente)

GnutGnut
(independente)

Guia Culinário do FalidoGuia Culinário do Falido
(Balão Editorial)

La DansarinaLa Dansarina
(Quadro a Quadro)

LavagemLavagem
(Mino)

Nada com coisa alguma Nada com coisa alguma
(Quadrinhofilia)

PétalasPétalas
(Jupati/Tambor)
comprar

QuiralQuiral
(Mino)

 

Outras obras que mereceram “menção honrosa” em 2015: Aokigahara (independente), Aventuras na ilha do tesouro (Mino), Batman – Noel (Panini), Batman – Pequena Gotham (Panini comprar), Caravaggio – A morte da virgem (Veneta comprar), Carnaval de meus demônios (Balão Editorial), Demolidor – Fim dos Dias – Volume 1 (Panini), Demolidor # 5 – O demônio e o vingador blindado (Panini), Demolidor # 6 – Fechando as portas (Panini), Desengano (independente), Dois Irmãos (Quadrinhos na Cia. comprar), Dupin (Zarabatana), Edibar (HQM), Era uma vez na França – Volume 2 – O voo negro dos corvos (Galera Record comprar), Espiga (independente), Kingsman – Serviço Secreto (Panini comprar), Maia (Narval), Meu pai é um homem da montanha (independente), Mute (Zarabatana), Na vida real (Jupati comprar), O árabe do futuro – Uma juventude no Oriente Médio (1978-1984) (Intrínseca comprar), O astronauta de pijama (Jupati comprar), O despertar – Volume 1 (Panini), O escultor (Jupati comprar), Os Invisíveis – Volume 5 – Conte até zero (Panini), Parasyte # 1 (JBC comprar), Parker – O caçador (Devir), Primeiras vezes (Nemo comprar), Quadros (Mino), Robô Esmaga (JBC), Saga – Volume Dois (Devir comprar), Sandman – Prelúdio # 2 (Panini) e Ultraman # 1 (JBC comprar).

Republicações

A Coleção Oficial de Graphic Novels Marvel # 59 – Eu, Wolverine
A Coleção Oficial de Graphic Novels Marvel # 59 – Eu, Wolverine
(Salvat)

Panini_SagaMonstroPantano5
A saga do Monstro do Pântano – Livro 5
(Panini)

A última caçada de Kraven
A última caçada de Kraven
(Panini)

Batman - A Noite das CorujasBatman – A noite das Corujas
(Panini)

Demolidor, por Frank Miller & Klaus Janson – Volume 2Demolidor, por Frank Miller & Klaus Janson – Volume 2
(Panini)
comprar

Homem-Animal – O Evangelho do CoioteHomem-Animal – O Evangelho do Coiote
(Panini)

Miracleman # 2Miracleman # 2
(Panini)

Tex – Edição Gigante em Cores – Volume 6 – O grande rouboTex – Edição Gigante em Cores – Volume 6 – O grande roubo
(Mythos)

 

Dentre as republicações do ano, também são dignas de destaque: A Balada de Halo Jones (Mythos comprar), A Coleção Oficial de Graphic Novels Marvel # 42 – Dinastia M (Salvat), A Coleção Oficial de Graphic Novels Marvel # 45 – Homem-Aranha – Azul (Salvat), A Coleção Oficial de Graphic Novels Marvel # 47 – Novos X-Men – Imperial (Salvat), A Liga Extraordinária – Século – Integral (Devir comprar), All You Need is Kill – Edição especial completa (JBC), Astro City – Volume 2 – Confissão (Panini), Barbarella (Jupati comprar), Batman – Lendas dos Cavaleiros das Trevas – Volume 1 – Neal Adams (Panini), Blade – A lâmina do imortal # 1 (JBC), Cidade Selvagem (Mythos), DC Comics Coleção de Graphic Novels – Superman / Batman – Inimigos Públicos (Eaglemoss), Era Uma Vez na América (Abril), Harmatã (Mino), Hellboy Edição Histórica – Volume 1 – Sementes da Destruição (Mythos), História e Glória da Dinastia Pato (Abril), Juiz Dredd Mega-Almanaque # 2 (Mythos), Naruto Gold # 1 (Panini), O azul indiferente do céu (Mino), Paralelas (Devir comprar), Odisseia Cósmica (Panini comprar), Pato Donald – 80 anos (Abril), Peanuts completo – Volume 7 – 1963-1964 (L&PM comprar), Pequenos Heróis (Jupati comprar), Perpetuum Mobile (Mino), Quimeras (Veneta comprar), Sin City – De volta ao inferno (Devir comprar), Superpateta – 50 anos (Abril) e Thor – O carniceiro dos deuses (Panini).

• Outros artigos escritos por

.

.

.

  • Helio Sampaio

    Injusto com Saga – volume 2 só ficar na menção honrosa. E vivemos uma fase mágica nas “bancas”, que variedade,

    • Helio, foi o “preço” por ter saído só no final do ano: a maioria da equipe ainda não leu. Possivelmente, comece a aparecer neste mês e nos seguintes. Uma pena mesmo.

  • Rodrigo Belato

    Só vale para HQs impressas? Obras digitais estão fora?… Abs!

    • Fernando Caldas

      Foi o que pensei, mais uma lista ignorando digitais, como sempre.

      • Saia Jeans

        Sinceramente, se alguma obra digital fosse realmente relevante, aposto que seria listada.

  • Filipe Mota

    Poderia ter mais mangas na lista :/

  • Guilherme de Camargo

    Turma da Mata, sério?

    • 0-Drix

      Realmente, Turma da Mata é a pior desta série de historinhas do selo Graphic MSP.

      • brunoalves65

        A única coisa legal de Turma da Mata é o visual dos personagens. A história é muito fraquinha.

      • Sandro Costa

        Eu gostei pra caramba!

        A história fez muito sentido, destacando o melhor (e o pior) de cada personagem, e os desenhos do Roger Cruz ficaram incríveis.

  • Ornitonick

    Não da pra ver quase nada das imagens pelo celular (Android, pelo menos). Fica tudo fora de escopo.

  • Yoshi Itice

    galera, a capa do Gnut tá errada

  • Heitor Pitombo

    O Escultor do McCloud só como menção honrosa?

    • 0-Drix

      Pois é! Foi lançada no final do ano, mas Ardelén também foi e está (com todos os méritos) entre as melhores!

  • Wilson Sacramento

    Cripta # 04 é pela Mythos e não Devir

  • 0-Drix

    Gostei da forma como escolhidos forma dispostos – com as imagens das capas e os respectivos links para resenhas ou matérias!

  • brunoalves65

    Gnut, do Crumbim, é uma obra de arte! Gostei da experimentação, da ousadia e da qualidade gráfica. Um dos grandes lançamentos de 2015.

  • Gustavo De Luca Dalsasso

    Dois Irmãos e Desengano entram na minha lista, sem dúvida!

  • Moroni Machado

    Eu achei A saga do Monstro do Pântano – Livro 5 muito ruim. Alan Moore defendendo sexo com vegetais foi a coisa mais bizarras que já li.