Os Rubbles ganham reality show no Cartoon Network

Por Equipe UHQ
Data: 22 agosto, 2002

Fonte: Press Release

Betty e Bamm BammSe você pensa que viu tudo em reality shows, está na hora de mudar este conceito. O Cartoon Network traz para a telinha Os Rubbles.

A série é produzida pelo Cartoon Network, com direção de criação de Fernando Semenzato, roteiros de Manoela Muraro, produtora do departamento de criação do canal, e realização em dois países, Brasil e Argentina.

A aclamada produtora brasileira Lobo Filmes animou a abertura e o encerramento das vinhetas, e a argentina Hook Up Animation foi responsável pela animação dos episódios. Estas vinhetas presenteiam os telespectadores com a imperdível experiência de conhecer, a fundo e sem censura, o que se passa dentro da família de Barney Rubble, fora dos sets de filmagem.

Protagonizado por Barney, Betty, Bam-Bam e seu mascote Hoppy, que aceitaram ter câmeras em toda a casa, Os Rubbles teve seu primeiro episódio transmitido no dia 12 de agosto, logo após Johnny Bravo, às 20h55min, e depois de Os Flintstones, às 23h55min.

A história completa terá seis capítulos, sendo que cada novo episódio estreará mensalmente, e será reprisado ao longo do mês, sendo exibidos diariamente entre 18h e 5h.

Betty ajuda Barney com o controle remotoOs Rubbles são “programetes” de aproximadamente dois minutos de duração, que mostram para os mais fanáticos por desenhos animados coisas curiosas, como: como será a vida de Barney quando não está atuando em Os Flintstones? Qual é a dieta de Betty para manter seu invejável corpinho durante todos estes anos? O que realmente pensam sobre Fred e Vilma? Será que Bam-Bam, mesmo fora das câmeras, destrói tudo que vê pela frente?

“Estamos entusiasmados com nosso primeiro reality show no Cartoon Network“, disse Fernando Semenzato, vice-presidente de criação do Cartoon Network e Boomerang para a América Latina. “Agora, os telespectadores estarão a par do que realmente acontece nas casas dos desenhos animados.”

Os Rubbles mostram que, além da fama obtida desde a década de 1960, são apenas uma família comum e, claro, devem lidar com uma ou outra briguinha doméstica, alguns pratos quebrados, um filho um tanto instável e um mascote que requer muita atenção.

• Outros artigos escritos por

.

.

.