Selo Graphic Talents é suspenso temporariamente

Por Equipe UHQ
Data: 12 outubro, 2002

Por Marcelo Naranjo e Sidney Gusman

Mico LegalGalo CostaO Selo Graphic Talents, da Editora Escala estava colocando nas bancas revistas em formatinho, por um preço acessível, e apresentando somente autores nacionais, boa parte desconhecida do grande público.

Os títulos publicados abrangiam temas diversos, com histórias de humor, aventura, super-heróis e até estilo mangá.

Lobo GuaráApesar de todos esses méritos, o selo foi suspenso temporariamente, devido às baixas vendas alcançadas.

Mesmo assim, algumas edições ainda devem chegar às bancas. “Temos aproximadamente 17 edições prontas, e estamos analisando a publicação em forma de almanaques, com um bom número de páginas”, informou Franco de Rosa, um dos editores do selo.

DálgorFranco disse ainda que isso não significa o fim do Graphic Talents, mas uma parada para analisar qual seria a melhor maneira de continuar.

Infelizmente, é mais uma boa idéia que não vingou nas bancas brasileiras. No entanto, como noticiamos quando do lançamento do Graphic Talents, a julgar pelo delicado momento do mercado nacional, isso era quase previsível, uma vez que os autores assumiam verdadeiros “contratos de risco” com seus personagens (se não vendesse bem na primeira edição – algo muito complicado atualmente – o título não teria continuidade).

De todos os autores publicados, apenas um, o argentino Sergio Morettini conseguiu emplacar mais três edições do seu Mico Legal. Os outros, lamentavelmente, acabaram engrossando as estatísticas da temível “indústria do número 1”.

Grump

• Outros artigos escritos por

.

.

.