Troca de desenhistas entre Marvel e DC Comics

Por Sérgio Codespoti
Data: 17 agosto, 2002

Thor #55, de Tom RaneyComo o editor-chefe da Marvel, Joe Quesada, anunciou na San Diego Comic-Con, o desenhista Olivier Coipel (que trabalhava em na revista Legião, da DC Comics) será o novo desenhista regular dos Vingadores.

Mas um artista da “Casa das Idéias” também está trocando de editora. Tom Raney (Thor) assinou um contrato de exclusividade com a DC, embora detalhes ainda não tenham sido divulgados. “Não posso me aprofundar no assunto ainda, mas será divertido. É uma nova revista, com uma grande equipe criativa, e estou envolvido desde o começo”, disse.

O artista também revelou que chegou a receber proposta da CrossGen Comics. “Depois da convenção Wizardworld, a CrossGen e a DC fizeram boas ofertas. Eu e minha esposa não estávamos preparados para ir morar na Flórida (Nota do UHQ: uma exigência que a CrossGen faz aos seus contratados), então, infelizmente, tive que recusar o convite. A Marvel lutou para me manter com eles, mas a DC estava afiada. Foi uma decisão difícil, porque gostava de desenhar Thor. Foi ótimo trabalhar com Dan Jurgens (escritor), Tom Brevoort (editor) e todos os membros da equipe criativa”, declarou.

De acordo com o artista, tudo que ele pediu foi atendido, e vários projetos foram oferecidos. Um dos trabalhos será com o editor Eddie Berganza, responsável pelas revistas do Super-Homem, o que já começou a gerar boatos, inclusive pelo fato de Berganza ter anunciado que as séries do Homem de Aço deixariam o estilo mangá de lado e passariam para um traço mais realista.

Capa de Olivier Coipel para LegionSua última edição do Deus do Trovão será o número 55. As edições 56 e 57 serão ilustradas pelo brasileiro Joe Bennett (que já vem desenhando alguns números), e a partir de Thor #58 assume um novo artista regular.

Já o editor Tom Brevoort, responsável pelos Vingadores, falou sobre a aquisição do desenhista francês Olivier Coipel.

“Olivier tem uma sensibilidade clássica no modo como conta a história, com um estilo vibrante e moderno”, analisou o editor, que espera que o desenhista provoque nos Vingadores o mesmo tipo de repercussão que Jim Lee causou em X-Men. “Geoff Johns é um grande fã do trabalho dele em Legião, por isso, acho que eles estarão sintonizados”.

A estréia de Coipel acontecerá em Avengers #65, no primeiro capítulo do arco de histórias em cinco partes chamado Red Zone, que promete definir a “Era Geoff Johns” na série.

• Outros artigos escritos por

.

.

.