100 Balas, Hellblazer, Coffin Hill e outros lançamentos do selo Vertigo da Panini

Por Marcelo Naranjo
Data: 20 maio, 2015

A editora Panini Comics programou o lançamento de cinco títulos do selo Vertigo para o próximo mês de junho.

Izombie Vol. 2 – vcvampiro (formato 17 x 26 cm, 172 páginas, R$ 22,90) de Chris Roberson (roteiro), Michael Allred e Gilbert Hernandez (arte) – Gwen Dylan não é mais a garota que costumava ser. Ela é um zumbi. E não é porque ela devora cérebros que está imune a perder a própria mente. As memórias de sua vida antiga estão ameaçadas por uma onda de desaparecimento de corpos que atingiu o cemitério em que ela costuma se servir dos bocados que a impedem de se transformar em um monstro descerebrado. Por sorte, as memórias que absorveu do cérebro de uma pessoa muito próxima lhe deu pistas importantes da vida que deixou para trás.

Enquanto Gwen tenta remontar o quebra-cabeça de seu passado, o presente fica mais sombrio a cada dia. Um cientista louco com um esquema doentio juntou-se a um vingativo vampiro. Uma gentil múmia oferece a Gwen e sua amiga fantasma uma diabólica barganha para colocarem sua vida – ou pós-vida – de volta ao eixo. Mas uma ameaça sanguessuga está prestes a tirar um pedaço da paixão caça-vampiros de Gwen.

iZombie_2

Fábulas Apresenta – Cinderela: Da Cidade das Fábulas, com Amor (formato 17 x 26 cm, 148 páginas, R$ 21,90) de Chris Roberson (roteiro) e Shawn McManus (arte) – Aos olhos de seus fabulosos concidadãos, Cinderela é apenas uma grã-fina mais interessada em viajar por aí e encontrar o par de sapatos certo do que lutar pela liberdade. Mas, na verdade, ela é a maior agente secreta da Cidade das Fábulas – uma mestra em espionagem com séculos de experiência em enfrentar inimigos, sejam mágicos ou mundanos.

Agora, essa espiã da pesada tem a missão de descobrir quem está sorrateiramente desviando poderosos artefatos mágicos da Cidade das Fábulas. E o que está em jogo não poderia ser maior: se até mesmo o menor dos anéis mágicos cair nas mãos erradas, isso pode significar o fim da vida de cada fábula na Terra. Para resolver o mistério, Cinderela terá que viajar ao redor do mundo e somar forças com um certo herói árabe.

Cinderela_1

John Constantine, Hellblazer – O Mago que Ri (formato 17 x 26 cm, 132 páginas, R$ 19,90) de Andy Diggle (roteiro) e Leonardo Manco e Danijel Zezelj (arte) – John Constantine, o príncipe sombrio do submundo ocultista da Inglaterra, conhece as fuliginosas ruas de Londres como as costas da mão com que segura os cigarros. Mas, a meio mundo de distância, há uma nova ameaça surgindo, que nem mesmo John poderia prever.

Nas areias ensopadas de sangue de Dargur, um mortífero mago está juntando poder por meio de genocídio e canibalismo, devorando outros feiticeiros para abocanhar as habilidades que conquistaram a duras penas. Seu novo alvo é o mítico Mago que Ri, uma presença eterna que mantém o equilíbrio místico do planeta. Armado com seus afiados dentes e com sede de poder, esse caçador mudou-se para Londres – pois O Mago que Ri pode ser o próprio Constantine.

Hellblazer_O_Mago_que_Ri

Coffin Hill: Crimes e Bruxaria Vol. 1 – Floresta da Noite (formato 17 x 26 cm, 172 páginas, R$ 22,90) de Caitlin Kittredge (roteiro) e Inaki Miranda (arte) – Eve Coffin é a herdeira de uma das mais ricas famílias da Nova Inglaterra, mas seus ascendentes não vieram no Mayflower, famoso navio que trouxe os peregrinos. Eles são bruxos e suas profundas raízes remetem à cidade de Salem.

Hoje, Eve é uma improvável policial heroína que caça com empolgação os mais brutais assassinos seriais. Mas, há dez anos, ela era uma adolescente problemática com uma queda pelo ocultismo e que acabou flertando com o lado errado da lei – despertando poderes do lado oculto de nossa realidade.

Quando crianças começam a desaparecer – exatamente como aconteceu quando ela e seus amigos libertaram forças misteriosas na floresta de Coffin Hill –, Eve é mais uma vez atraída para a casa que havia abandonado e para um horror que jamais deixará sua mente. Agora, o único jeito de impedir as trevas é deixar que sua própria escuridão tome conta.

Coffin_Hill_1

100 Balas – Irmão Lono (formato 17 x 26 cm, 196 páginas, R$ 23,90) de Brian Azzarello (roteiro) e Eduardo Risso (arte) – Há três anos, o lamentável resquício de ser humano chamado Lono tropeçou na igreja do padre Perez, nos arredores de Durango, México. Mas aquele que saiu do confessionário do padre não era mais um dos assassinos mais temidos do planeta – tampouco passou a ser algum tipo de santo.

O recém-batizado irmão Lono ficou para ajudar o padre a tomar conta da paróquia e dos órfãos residentes enquanto passava as noites na cadeia local quando a fera dentro de si ameaçava se libertar.

Acontece que mesmo que Lono tenha encontrado Deus, isso não quer dizer que ele confie nele. E as razões para sua paranoia não são poucas. Las Torres Gemelas, o cartel de tráfico de drogas de Durango, está expandindo seu território e os arredores pouco explorados da igreja são uma grande tentação.

Enquanto isso, a secretaria de combate às drogas dos Estados Unidos busca uma maneira de se infiltrar na operação. O cheiro de sangue está no ar e a fera já o sente. As coisas se encaminham para um típico impasse mexicano, com todo mundo apontando as armas para o irmão Lono. Só que nenhum deles tem ideia do que está prestes a libertar.

100_Balas_Irmao_Lono

• Outros artigos escritos por

.

.

.