As inconcebíveis aventuras do Super-Incel, uma paródia crítica sobre postura tóxica na internet

Por Samir Naliato
Data: 26 junho, 2020

A editora Skript lança, em julho, o especial As inconcebíveis aventuras do Super-Incel & os cabulosos nerds tórxicos (formato 20 x 27 cm, 62 páginas em preto e branco, capa cartonada, R$ 49,00).

A edição está em pré-venda na Amazon com frete grátis para usuários Prime.

Editado por Guilherme Smee, capa de Caio Oliveira e participação de diversos autores, a história é uma crítica e paródia a posturas tóxicas e de bullying virtual da comunidade nerd nas redes sociais.

De acordo com a editora, o alvo não são pessoas, mas um comportamento, algo que se espalhou e vem machucando muita gente. “E não se assuste se em algum momento você se enxergar ali. Todos nós, em maior ou menor grau, erramos. O importante é que haja o reconhecimento e a mudança. Não nascemos prontos, somos falhos, mas nada é desculpa para que não nos tornemos uma versão melhor de nós mesmos”, afirma.

Quem adquirir a o quadrinhos tem direito à sua versão e-book colorida. Para isso, basta solicitar enviando o comprovante de compra para o e-mail skripteditora@gmail.com ou em qualquer uma das redes sociais da editora.

Dentre os autores participantes, estão Adri A., Alex Mir, Alexandre De Nadal, Bruno Brunelli, Bruno Félix, Decio Ramirez, Douglas Phillips Freitas, Estevão Ribeiro, Fábio Ianzer, Felipe Manhães, Felipe Tazzo, Fernando Rodrigues, Gabriel Kolbe, Guilherme Smee, Ítalo Silva, J. V. Santos, João Gutkoski, Johnny C. Vargas, Leandro Liporage, Lexy Soares, Lucas Machado, Luciano Abrahão, Marcel Bartholo, Mário César Oliveira, Murilo Zibetti, Nilo Júnior, Paulo Márcio Esper, Rafael Nasic, Rob Saint, Rodrigo Geraldo, Rodrigo Ramos, Rodrigo Selback, Sandro Zambi, Taciturno, Thiago Krening, Thiago Souza, Val Oliveira e Yuri Perkowski.

As inconcebíveis aventuras do Super-Incel & os cabulosos nerds tórxicos

 

• Outros artigos escritos por

.

.

.

  • Que preço absurdo!

    • Totalmente.

    • joao helio

      Pois é, colega. Vá se acostumando. Hoje até quadrinhos de qualidade duvidosa tão se vendendo com preço de graphic novel.

  • Lucas Rodrigues

    Ótima ideia, mas que diacho de preço é esse?

  • Erikson Reppetto

    Que lixo!

  • ARQUEIRO VESGO

    Mais uma bosta encalhando no mercado em 3, 2, 1…

    • Eugênio Furtado

      Né?

  • Marquito Maia

    Parece livro de autoajuda em quadrinhos pra nerds tóxicos e afins – seja lá qual for o significado disso!! Tudo culpa desse tal de TIM Berners-Lee (corrijam-me se eu estiver enganado).

    • Não, Mar em Quito Malha, estás errado.

      • Marquito Maia

        Oi, Guilherme! Que honra o editor da publicação em questão dar o ar da graça!! Sucesso na cruzada contra os nerds tóxicos!! E não entendi chongas da sua mensagem criptografada!! Santo Alan Turing, Batman!!

  • Ronildo Abijaude

    Achei até a capa ruinzinha – acho que não vai vender, exceto pros colecionadores de tudo kkkk – mas pelo jeito é um tema sensível e necessário até no meio, visto que tem muita gente que só dói com o tema.

    • joao helio

      Nesse caso acho que o qje mais dói é o preço mesmo kkkkkkk

  • Se o sujeito é um celibatário involuntário, por que o cinto de castidade? Os absurdos continuam além da capa?

    • Narc

      Se tu não entende uma metáfora visual tá fazendo oque num site de HQ?

      • joao helio

        Tá mais pra piada sem graça mesmo

        • Narc

          Uma metáfora visual pode incluir uma piada, vai pra site de livro de colorir que é mais apropriado pra você

          • joao helio

            Ui, quem é que tá se doendo agora?

  • tarado

    Um quadrinhos atacando nerds que gostam… de quadrinhos. Mais bullying que isso, impossível.

  • tio shanks

    Me sinto representado 😍😍

  • Dark, Darker, Darkest

    Que deliiiiicia o choro dos incels assumidos! A hq tá incomodando cirúrgicamente os emasculados frustrados, hehehe!

  • Southern Cimmerian

    Resumindo: Acuse-os do que você faz, xingue os do que você é! como diz o ditado: quem lacra, não lucra…