Cinder & Ashe volta pela Panini em encadernado de capa dura

Por Samir Naliato
Data: 8 maio, 2020

A Panini Comics traz mais um resgate da década de 1980 após a lançar Crepúsculo, e novamente uma obra com arte de José Luis García-López: Cinder & Ashe (formato: 18,5 x 27,5 cm, 130 páginas, capa dura, R$ 51,00), escrito por Gerry Conway.

O encadernado já está à venda na Amazon com desconto e frete grátis para usuários Prime.

Esta edição especial conta com um prefácio de Conway e uma seção de esboços e estudos de personagens por García-López.

A história reúne Cinder e Ashe, dupla de investigadores particulares ligados por um evento ocorrido durante a Guerra do Vietnã. Especializados no que chamam de “controle de danos”, os detetives prestam serviços que são intrigantes demais para a polícia tradicional. Quando menos esperavam, 20 anos depois do acontecimento na guerra, o novo caso da dupla traz à tona, além de lembranças desagradáveis, uma sombra ameaçadora com sede de vingança.

A obra foi publicada originalmente nos Estados Unidos pela DC Comics, e chegou pela primeira vez ao Brasil pela Editora Abril como uma minissérie de duas partes, em 1989.

.

Cinder & Ashe

• Outros artigos escritos por

.

.

.

  • Wilson Pereira Jr.

    Já comprei. Adoro desde antigamente. Infelizmente as cores são ruins:
    muitas vezes aparece uma cor chapada pra um desenho inteiro. Fora esse
    detalhe, é ótimo como um thriller dos 80-90s.

    • nao tenho

      esses quadrinhos de uma ou duas cores chapadas é um charme que a transição pra coloração digital não soube aproveitar.

  • Roberto Santos Costa

    A dupla Tinder & CASH fazem bastante sucesso… só qui não…. kkkkkkk

  • Jonas Reis da Cruz

    Essa história pertence ao selo ” Black Label” ou ao universo tradicional da editora?🤔

    • Wilson Pereira Jr.

      É uma história independente, publicada nos anos 80. Na época nem havia Black Label.

  • Valdemar Morais

    E continua a batalha do destemido Levi Trindade para mostrar que García-Lopez vende no Brasil, ao ponto de convencer a Panini/DC a lutar por “Esquadrão Atari”.

    • Iorio D’Alessandri

      Adoro García-Lopez e torço pelo Esquadrão Atari!

    • Raimundo Gomes

      Desde que ouvi o anúncio de que a Dynamite iria relançar aguardo ansioso. Infelizmente até agora nada.

    • O que leva um editor a publicar uma edição originalmente em formato americano num formato maior, apenas para estourar os pixels e transformar

      Será que é vender papel caro para colecionadores de lombadas gourmet? Ou só incompetência, mesmo?

  • ARQUEIRO VESGO

    Por que não sai Jonah Hex do José Luis García-López?!?

    • Raimundo Gomes

      Torço demais para que saia. Li algumas que chegaram a sair aqui no Brasil no formato Tex (+ ou -). Hqs de primeira. E os excelentes desenhos do García-Lópes

      • Marquito Maia

        Creio que você se refere ao famoso formatinho publicado pela saudosa Ebal (52 números). Bons tempos!!