Dark Horse lançará coleção Omnibus de Hellboy

Por Leonardo Fraga
Data: 18 setembro, 2017

Hellboy Omnibus Volume 1A Dark Horse lançará Hellboy em formato omnibus, em ordem cronológica. Serão quatro volumes com todas as histórias do personagem escritas e ilustradas por Mike Mignola, incluindo A Caçada Selvagem (desenhada por Duncan Fegredo), uma das inspirações do próximo filme do herói dirigido por Neil Marshall e estrelado por David Harbour, Sasha Lane, Ian McShane, Penelope Mitchell e Milla Jovovich.

Veja abaixo as primeiras fotos oficiais da produção da Lionsgate, que chegará aos cinemas em janeiro de 2019.

Além disso, também serão publicados dois volumes contendo todas as histórias curtas de Hellboy, ilustradas por artistas como Richard Corben e os brasileiros Gabriel Bá e Fábio Moon. As seis edições terão novas capas desenhadas por Mignola e coloridas por Dave Stewart.

“Estou muito entusiasmado por ter todas as histórias de Hellboy em uma coletânea em ordem cronológica”, disse Mignola. E complementou, “Estou especialmente feliz porque as edições ilustradas por Duncan Fegredo estarão juntas na coleção pela primeira vez”.

Em 1994, Mike Mignola apresentou Hellboy e seu universo na história Semente da Destruição. Por mais de 20 anos, ele e uma série de escritores e artistas contaram as aventuras do personagem enfrentando seu suposto destino como a Besta do Apocalipse, e exploraram as misteriosas histórias enfrentadas pelos agentes do B.P.R.D, com o professor Trevor Bruttenholm, Abe Sapien e muitos outros.

Os volumes de Hellboy Omnibus custarão US$ 24.99. A primeira edição estará disponível em dia 23 de maio de 2018.

No Brasil, Hellboy é publicado pela editora Mythos Editora, que acaba de lançar o volume 8 de Hellboy – Edição Histórica.

• Outros artigos escritos por

.

  • Esses Omnibus são baratos. Em papel jornal e encadernação apenas colada. Forma justa e democrática de vender quadrinhos. Enquanto isso, no Brazil, a Mytho$ vende as histórias em conta-gotas, num formato elitista e a preços escorchantes.

    • Alexandre Pinto Harich

      O bom seria termos opçao de formatos .Mas aqui não ligam muito para isso. Veja o Sandman 5 que não sai nunca.

    • James Howllet

      Hum…Pior que nem todos Omnibus são tão básicos mas ainda assim mantém uma ótima razão custo/benefício.

      Exemplo: as edições de “Planetary” e “X-Men” do G. Morrison são monstruosas com capa dura,papel couchê e apesar de poucos extras mantém o conteúdo mais importante intacto.
      Comprei mais recentemente os dois volumes de “Saga” nesse estilo e idem.E até mesmo as edições em capa mole de Conan pela Dark Horse (foram duas até agora) dão um “pau” nas coletâneas da citada Mythos.

      • Pedro Bouça

        Os Omnibus da Marvel, DC e Dark Horse não são iguais!

        Os da Marvel são muito grossos (geralmente entre 700 e 1000 páginas), com formato um pouco maior do que os comics normais e bom papel.

        Os da DC variam muito em tamanho, formato e tipo de papel. Não há um padrão. Tenho uns em papel jornal! E vou dizer que 50 dólares por uma edição em papel jornal é um assalto!

        Os da Dark Horse são sempre edições em formato menor do que comic, com papel bom e apenas 200-300 páginas, daí o preço mais baixo.

        • James Howllet

          Oh Pedro, muito obrigado pelo toque.
          “E vou dizer que 50 dólares por uma edição em papel jornal é um assalto!”

          Inacreditável como essas edições se tornam ainda mais caras depois de algum tempo.

    • commodusrs

      aqui “leitores” gourmetizaram as hqs, se importam mais com capa dura/acabamento do que com o próprio conteúdo. o que importa é ficar bonito na estante.

    • Pedro Bouça

      Não são não. Tenho pilhas de Omnibus da Dark Horse, são em bom papel, mas em formato menor (próximo do antigo formatinho), daí serem mais baratos.

  • JJLequerica

    Bacana.
    Pela Mythos sairia pela bagatela de R$ 899,90 ou o seu rim.

    • Mauro

      Disse tudo! O preço da capa seria mil reais mas como desconto está na moda, o Helboy Omnibus da Mythos sairia por R$ 899,90.

  • Leo Sch

    Kd o Codespoti para comentar…rs

  • Digo Freitas

    Pessoalmente eu não gosto muito desses livrões porque gosto de levar meus livros e HQs para ler por aí e os formatos omnibus geralmente são uns tijolos. Mas é ótimo pra quem quer começar a colecionar.
    Continuo aqui aguardando há dois anos Hellboy no Inferno v. 2. Se a Mythos tratasse o personagem com mais respeito e melhor periodicidade, Hellboy venderia muito mais no Brasil.

    • Juliano

      Podia começar baixando o preço e deixando essa ótima HQ mais acessível.

  • Matheus Vitorino Machado

    Qual a chance desse material sair no Brasil? Ainda que pela Mythos?

  • Omnibus é o tipo de edição que NUNCA teremos no Brasil.

  • Kevin Melo Accioly

    Mas não já tem a library e as edições regulares? Pra que isso?