Geoff Johns é promovido a presidente da DC Entertainment

Por Samir Naliato
Data: 3 agosto, 2016

A ascensão de Geoff Johns dentro da DC continua. Ele começou a trabalhar na editora com roteirista, em 1999, e desde então não parou mais, tendo escrito séries como Sociedade da Justiça da América, Novos Titãs, Flash, Superman e várias outras.

Mas é a sua fase em Lanterna Verde uma das mais lembradas e elogiadas, promovendo uma reformulação no personagem, introduzindo novos conceitos e expandindo a linha com outras revistas.

Ele também foi o responsável pelas sagas Crise Infinita, A Noite Mais Densa, Ponto de Ignição (cuja repercussão foi o reboot Novos 52), Vilania Eterna e, recentemente, foi o autor de DC Universe – Rebirth, na qual deu início à mais recente iniciativa editorial da casa de Batman, Superman e companhia.

Além de roteirista, Geoff Johns havia assumido o cargo de chefe criativo da então formada DC Entertainment, cujas funções envolvem desenvolver projetos em outras mídias com os personagens da editora (incluindo cinema, televisão e videogames).

No final da semana passada, foi confirmado que Geoff Johns agora é presidente da DC Entertainment, ao lado de Diane Nelson. Os dois dividirão o cargo, e Johns ainda terá que se reportar a ela.

De acordo com as informações, ele foi promovido há dois meses, mas apenas agora a notícia foi divulgada.

Uma das missões será organizar os filmes do Universo DC Estendido, e ser uma das forças criativas por trás dos próximos projetos cinematográficos. Ao lado dele nesta tarefa específica estará Jon Berg, vice-presidente executivo da Warner Bros.

Geoff Johns também está escrevendo o roteiro do próximo filme solo do Batman, a ser dirigido por Ben Affleck.

Geoff Johns

 

• Outros artigos escritos por

.

.

.

  • Super do BdE

    Será que agora vai?

    • Augusto Lopez

      Não boto fé. Se ele tivesse plenos poderes, aí sim. Mas ainda tem que se reportar aos dois engravatados que não entendem nada de quadrinhos (e parece que de cinema e animações também…). Depois que a Diane Nelson assumiu, DC é ladeira abaixo (não que estivesse bem antes, mas…). Uns sucessos pontuais aqui e ali, mas manter uma base de fãs que é bom, nada!

      • Stephan

        Um problema, aliás, que atinge também a sua concorrente direta, a Marvel…

    • Matheus Araújo

      Acho meio difícil

  • Stephan

    Versão DC do Joe Quesada. Já vimos, lemos e relemos esse gibi antes…

  • Zé Renato

    Enquanto isso, as outras editoras publicam muitas histórias interessantes…

  • Wizard

    Espero que não vire fantoche da Warner, porque executivos estão totalmente perdidos faz 2 anos.