Gonçalo Junior lança livro sobre a vida e obra de Belmonte

Por Marcelo Naranjo
Data: 7 abril, 2017

Nas primeiras décadas do Século 20, Belmonte era o mais popular chargista de São Paulo e um dos ilustradores mais inventivos do País. Seu personagem, Juca Pato, criado em 1925, tornou-se tão famoso que virou ícone de uma infinidade de produtos.

Além de pai de Juca Pato, Belmonte era um humorista político implacável, cujas charges retrataram as turbulências no País desde 1921, momento em que iniciou sua colaboração com a imprensa, até 1947, quando morreu, aos cinquenta anos. Não à toa, caiu nas garras da censura de Getúlio Vargas, de quem não se cansava de debochar, e recebeu ataques da rádio oficial nazista em Berlim, por causa dos cartuns demolidores contra Hitler.

A vida e a obra deste artista são o tema do livro Belmonte (formato 23 x 28 cm, 160 páginas, R$ 54,90), a maior reunião já feita de seus desenhos publicados na imprensa. A edição já está à venda na Amazon Brasil com 11% de desconto.

Em centenas de ilustrações, o leitor poderá conferir a elegância de seu traço e a vitalidade de seu riso – tudo aquilo que faz de Belmonte um dos nomes centrais da história do humor gráfico no Brasil.

O título é um lançamento da Editora Três Estrelas e tem organização do jornalista Gonçalo Junior, autor de livros como  A guerra dos gibis – A formação do mercado editorial brasileiro e a censura aos quadrinhos – 1933-1964; E Benício criou a mulher;  Quem samba tem alegria e É uma pena não viver, dentre outros.

Belmonte

 

• Outros artigos escritos por

.

  • Marquito Maia

    Obrigatório para os amantes da charge brasileira! J. Carlos e Belmonte eram muito bons! Saudades da revista Careta…

  • Samuel Bono

    Gonçalo Junior sempre trazendo coisas relevantes e bacanas.