Gringo Love: obra aborda turismo sexual no Brasil

Por Samir Naliato
Data: 28 julho, 2020

Escrito por Marie-Eve Carrier-Moisa, adaptado por William Flynn e arte da brasileira Débora Santos, a University of Toronto Press lança uma graphic novel abordando o turismo sexual no Brasil.

Gringo Love – Stories of Sex Tourism in Brazil (formato 15,2 x 22,9 cm, 200 páginas, capa cartonada) pode ser encontrada também na Amazon Brasil.

Uma prévia está disponível na plataforma Book 2 Look.

Na cidade de Natal, no Rio Grande do Norte, turistas estrangeiros procuram mulheres para relações, o chamado “turismo sexual”. Essas mulheres possuem experiências diferentes, mas com o desejo similar de escapar das condições sociais em que vivem.

Esta obra é baseada em uma pesquisa etnográfica e apresentada na forma de quadrinhos, mostrando as esperanças, sonhos e realidade dessas mulheres contra a desigualdade social e o aumento da vigilância do Estado no período em que se preparada para a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016.

Ela aborda temas contemporâneos importantes, como economia sexual, mobilidade transnacional, imaginário romântico, representação de gênero, raça e desigualdade.

A produção da história é acompanhada por análises e uma contextualização da discussão para os leitores expandirem sua compreensão dos temas abordados.

Gringo Love

• Outros artigos escritos por

.

.

.

  • Ronildo Abijaude

    Parece bom e com um tema que me lembra a frase do oresidente dizendo o que tinha de errado na pessoa vir pra cá atrás de turismo sexual

  • Rodrigo Costa de Oliveira

    Espero que em breve aporte no Brasil também, pois esta discussão é super importante de se fazer.

  • Andrecio

    Cara acompanho essa situação in loco, pois moro em Natal. E era mais forte alguns atrás, qdo algumas boates ofereciam sexo com menores. Depois que algumas dessas casas fecharam, até o turismo na cidade diminuiu