HQ digital de Brian K. Vaughan e Marcos Martín ganha versão em português

Por Marcelo Naranjo
Data: 24 abril, 2013

Em março deste ano, o roteirista norte-americano Brian K. Vaughan (Y – O último homem, Ex Machina) e o desenhista espanhol Marcos Martín (Homem-Aranha, Batgirl, Dr. Estranho) lançaram The Private Eye – a primeira experiência de ambos com quadrinhos para a internet.

A dupla adotou um modelo inovador e arriscado: a edição é apenas digital e o leitor decide quanto paga para baixar a HQ.

Lançada originalmente com versões em inglês, espanhol e catalão, a HQ será disponibilizada nesta semana também em português brasileiro. A tradução ficou a cargo de Érico Assis e Fabiano Denardin, dupla que já colaborou em outra obra de Vaughan, Y – O último homem (Panini), e prepara um projeto chamado Outros Quadrinhos, a ser lançado este ano.

The Private Eye se passa nos Estados Unidos, em 2076. A internet deixou de existir, privacidade é considerada um direito sagrado e todo cidadão tem uma identidade secreta. A trama acompanha um investigador particular que tenta desvendar segredos dos outros numa sociedade que os valoriza acima de tudo.

A edição de estreia pode ser comprada via PayPal, com preço (em dólares) definido pelo leitor. Segundo os autores: “Você decide quanto vai pagar. Nos Estados Unidos, as revistas em quadrinhos custam a partir de três pratas, mas achamos 99 cents bem justo para cada número da nossa. Independentemente de quanto quiser nos dar, 100% do valor vai para o financiamento das próximas histórias. Por isso, obrigado!”.

Definido o preço, o leitor pode fazer o download da edição em formato PDF, CBR ou CBZ, em qualquer idioma disponível.

Vaughan e Martín criaram o site Panelsyndicate para publicar The Private Eye, e nele poderão lançar outras HQs digitais.

A ideia é que The Private Eye tenha aproximadamente dez edições. A segunda deve sair ainda em abril, e terá sua versão em português lançada logo depois.

The Private Eye

• Outros artigos escritos por

.

.

.