Mais seis campanhas estreiam no Catarse, totalizando 45

Por Samir Naliato
Data: 15 setembro, 2015

A produção nacional de quadrinhos parece não parar. Com a opção de se autopublicar, os autores se animam e literalmente colocam seus projetos no papel. Mais seis campanhas em busca de financiamento coletivo estrearam no Catarse, elevando o total para 45, neste momento, consolidando a categoria de quadrinhos como a que possui mais iniciativas na plataforma.

Para efeitos de comparação, a categoria campeã de projetos até então era a de música, que atualmente está com 34 campanhas ativas. Depois, aparecem as categorias de literatura (26), cinema (24) e teatro (17).

Veja os detalhes desses seis novos trabalhos.

Vírus – Mais um na multidão, por Thiago Spyked – Na sua vida você é personagem principal. E o que você faz para ser o protagonista de sua história? Verônica, uma jovem bem-sucedida, com um bom emprego, muito bonita e que todos a consideram capaz e independente, começa a sofrer de uma misteriosa doença no rosto após mais uma noite de diversão numa balada. Imagine de repente a sua vida se esgotando com uma doença desconhecida, contraída após uma noite em que você acreditava estar aproveitando a vida ao máximo como se fosse o último dia de sua existência. Para outros detalhes, recompensas e colaborar, clique aqui.

Vírus

Rapha, por Pablo Salazar, Rodrigo Chaves e vários – Com a busca incansável dos seres humanos pela cura de todas as doenças, os cientistas, com o passar dos anos, vêm desenvolvendo diversas pesquisas e fórmulas para alcançar o êxito. Uma cúpula misteriosa reuniu os melhores geneticistas para criarem a cura para diversas doenças até então incuráveis. Com base em estudos e experimentos com animais, o jovem e talentoso Dr. Alex segue com o legado de seus antepassados. Após muito tempo enfurnado em um laboratório ele chega a uma impressionante descoberta. Para outros detalhes, recompensas e colaborar, clique aqui.

Panza – O primeiro sidekick, por Caio Oliveira – Continuação direta de Dom Quixote. A história se inicia nos momentos finais da famosa obra, quando o moribundo Dom Alonso, em seu leito de morte, faz o último pedido ao fiel escudeiro Sancho Panza, lançando-o assim em uma última grande aventura: percorrer o mundo em busca dos livros de sua biblioteca perdida… e esse será apenas o início de tantas outras aventuras por vir. Para outros detalhes, recompensas e colaborar, clique aqui.

RaphaPanza - O primeiro sidekick

Verdugo, o inacreditável – Procurados, por Verônica Saiki – O primeiro livro em quadrinhos do personagem e sua turma. Nele haverá seis histórias completas, sendo Procurados a primeira e que denomina o subtítulo do álbum, ela é ambientada em clima de Velho Oeste, e cujo quarteto de protagonistas acaba sendo os “procurados” da cidade. Mas afinal, quais serão os crimes que eles cometeram? As histórias no geral possuem temas diversos dentro do campo do comportamento e emoções, abordando amadurecimento, mudanças, imaginação, realização, saudade, companheirismo, bom senso e desafios. Para outros detalhes, recompensas e colaborar, clique aqui.

Evangelizando através das Histórias em Quadrinhos, por Lindenberg Mota – Um livro didático com o intuito de capacitar cristãos a contarem histórias modernas de propósito evangelístico, por meio do uso de textos e imagens sequenciais. O livro desmistifica a crença popular de que a pessoa nasce com o dom e ensina por meio de técnicas e dicas como construir uma boa história e como transportar os ensinamentos bíblicos para os tempos modernos, de modo que a palavra de Deus seja utilizada com responsabilidade. Para outros detalhes, recompensas e colaborar, clique aqui.

Verdugo, o inacreditável - ProcuradosEvangelizando através das Histórias em Quadrinhos

Os Mongos estão levando as nossas coisas, por Pedro Balduino e Daniel Balduino – Daniel e sua família passam por infortúnios logo após se mudarem para uma nova casa grande e amarela. As coisas mais importantes começam a desaparecer sem nenhuma explicação aparente: o chocolate das pizzas da mãe, as tintas de pintura do irmão mais velho e o videogame de Daniel não estão mais onde deveriam. Compelido a encontrar respostas, Daniel inicia uma investigação e logo descobre que as coisas foram levadas pelos MONGOS! Mas o que são os Mongos? Por que eles levaram suas coisas? Como impedi-los? Para outros detalhes, recompensas e colaborar, clique aqui.

Acesse a página especial para ver a lista com todos os projetos que autores cadastraram no Catarse, coloque-a em seus favoritos e visite regularmente para ver as novas campanhas disponíveis.

Os Mongos estão levando as nossas coisas

• Outros artigos escritos por

.

.

.