Morreu Sergio Graciano, artista da Mauricio de Sousa Produções

Por Samir Naliato
Data: 11 fevereiro, 2019

O desenhista Sergio Tiburcio Graciano faleceu, aos 83 anos, no último dia 8 de fevereiro. Ele trabalhou por mais de 50 anos da Mauricio de Sousa Produções, e foi um dos principais arte-finalistas do estúdio. Uma de suas contribuições foi a criação do icônico cabelo do Cascão.

Em nota oficial, a MSP lamentou a notícia. Veja o comunicado, na íntegra, abaixo.

“Graciano veio de Cambuquira, em Minas Gerais, para São Paulo e foi na capital paulista que, em 1960, como ajudante de pedreiro, viu sua vida mudar. Construía casas, levantava muros, colocava janelas e portas, e foi assim que a vida lhe abriu uma chance de trabalhar com o criador da Turma da Mônica, Mauricio de Sousa, em 1966. Ele agarrou a oportunidade e passou a construir sonhos e fantasias, no mundo recém-criado por Mauricio.

Em estúdio pequeno, com poucas pessoas, ajudava em tudo que fosse preciso na produção das tiras que saíam nos jornais. Depois de muito treino e teimosia, tomou gosto pela arte-final. Como arte-finalista, viu o estúdio pequeno virar um gigante. Colaborou com um sem número de histórias e deixou sua contribuição e sua marca pessoal na Turma da Mônica.

E quando se fala em marca pessoal não é exagero. Sua digital, como um carimbo, virou cabelo do Cascão para facilitar a produção do desenho que era feito com caneta. Graciano dizia brincando que foi a primeira arte “digital” do estúdio.  Mauricio gostou da inovação e aprovou a ideia. Cascão nunca mais foi o mesmo. Graciano inventou a técnica por acaso e é usada até hoje.

A Mauricio de Sousa Produções se solidariza com a família.

Sergio Graciano,

Sergio Graciano e Cascão

• Outros artigos escritos por

.

.

.

  • #RIP

  • Dyel Dimmestri

    Hoje é dia de luto no Bairro Do Limoeiro…
    Cascão perdeu o seu cabeleireiro oficial, como o Seu Graciano era conhecido.
    Descanse em Paz, e que Deus o tenha.

  • Ronildo Abijaude

    Bela história de vida.
    Que descanse em paz e em luz.

  • Então quer dizer que o Jeremias perdeu o avô? Que triste…