Mudanças para uma nova era: o novo visual de Vampirella e Sonja

Por Marcus Ramone
Data: 7 outubro, 2015

Duas personagens clássicas e icônicas dos quadrinhos vão estrear uma nova série pela Dynamite Entertainment, nos Estados Unidos. E na esteira dessa nova empreitada, uma repaginada no visual que já começa a dividir a opinião dos fãs.

Vampirella e Sonja ganharam trajes novos, diferentes daqueles que os leitores se acostumaram a vê-las usarem em décadas de vida editorial. A ideia da editora Gail Simone foi “cobrir” as personagens, libertando-as do apelo sexual.

A artista Nicola Scott projetou as novas roupas, mas essa não é a única participação feminina nos dois títulos. As equipes criativas de ambas as revistas, até o momento, incluem apenas mulheres. Além dos textos e das artes, elas ainda assinam a ilustração das capas principais das respectivas edições de estreia.

Sonja # 1 (com roteiro de Margueritte Bennett e desenhos de Aneke) tem lançamento agendado para o dia 13 de janeiro de 2016. Vampirella # 1 (roteiro de Kate Leth e desenhos de um artista ainda não revelado) chegará dois meses depois, em março.

A nova Vampirella

A nova Sonja

• Outros artigos escritos por

.

.

.

  • Gregore Candalez

    Você, que exalta tanto conhecimento e cultura, parece não saber merda nenhuma sobre ‘representatividade’. E essa ‘meritocracia’ aí é só uma mentirinha que os privilegiados contam; ela não existe =)

    • Homem Simpson

      Ora, ora… só pela articulação e escolha de palavras toscas, pelo atraso inequívoco em relação ao debate e por uma fraqueza interpretativa evidente já prova que estou certo no que disse acima! Obrigado, hein?

    • Homem Simpson

      Ora, filhote… se quer representatividade efetiva, aprenda a votar direito! Histórias em quadrinhos não são obrigadas a seguir tais critérios só porque você quer… isso sim, é um fato. ;)

      • Gregore Candalez

        Breaking news: não existe só um tipo de representatividade, ‘filhote’.

        • Homem Simpson

          C descobriu a roda, fraldinha! Parabéns!!!
          Agora releia o que eu escrevi para sacar que isso já estava implícito lá.

          • Gregore Candalez

            Reli. Não tinha nada implícito lá. De explícito, porém, diz que “representação de verdade”, pra você, é só a política; os quadrinhos é que “não são obrigados”. Risos. Ninguém é ~obrigado~ a nada, criança. Empresas que se adaptam aos tempos modernos não são necessariamente “boazinhas” ou “progressistas”, mas atendem a um desejo do público-alvo pra não se tornarem obsoletas. Existem muitas, sim, que realmente têm as convicções reais e fazem porque acreditam em igualdade de representatividade, e eles entendem que não é só a política que importa. Aliás, a falta de mulheres na política é um bom reflexo da falta de representatividade feminina em vários outros lugares. Pára de ser um babacóide qualquer, tira a cabeça da bunda e tenta pensar melhor nas coisas, bro. Tenha uma boa vida.

          • Homem Simpson

            Querer ganhar a discussão a todo custo não te faz um vencedor. Apenas revela que você precisa estudar mais português, não só para entender melhor o que lhe dizem, mas também para ajudá-lo a virar um homem de verdade, deixando de apelar a má-educação todas as vezes em que é contrariado. Parabéns, campeão!!!!!

    • Victor Hugo

      gay feminazi é pior que mulher feminazi.

  • Sorren Andrei

    Achei o visual da vampirela novo legal se não fosse ela…. ela como todo vampiro foi criada pra ser sensual e sexual a sociedade atual é uma merda…. eu quero que ela seja do jeito que foi criada e com aquele proposito de sedução.

  • Discipulo de V.Sa. Lula.

    Os islamitas tem razão: Viva a Burca!

  • Antonio

    Vamos ver se as minorias que agora se sentem representadas com a transformação das personagens em recatadas vão dar conta de consumir esse material que outrora “ardiam seus olhos” com a sensualidade feminina…Consumir quadrinhos porque se sente representado é uma coisa e consumir quadrinhos porque está na veia desde sempre é beeeeemmmm outra.

  • denilsonkw

    ficou um lixo

  • denilsonkw

    amanhã vou querer ver a personagem feminina com burca e uma armadura que não mostra as curvas e o seio. vai parecer um homem. vou deixar o super-herói magricelo ou gordão porque os músculos e a altura dele me ofende, pois ele é superior a mim.

  • Marcos Rinaldi

    Ficou uma porcaria.O desenho do crânio dela, com esse queixo, parece um homem, parece o monstro de Frankestein ahhah, sensibilidade no traço zero.
    Coitada da Vampirella, um clássico, agora transformado nisso aí, pra agradar um punhado de gente fresca que não faz nada de bom, mas adora ferrar com tudo o que é bom. Pro inferno com esse “politicamente correto” que é uma farsa, e uma chatice completa e que ninguém mais aguenta…Ninguém tem que agradar vocês não seus merdas…
    É uma revista apenas porra!!! Uma revista!!! Não ofendia ninguém!!!
    Quem não gostasse era só não comprar, mas saber a diferença entre uma revista e a vida real é preciso cérebro, e um que funcione né? ahhaha
    Coitadas das mulheres, não podem mais ser bonitas nem gostosas hoje em dia.
    Elas tem que ficar barangonas e com cara de tijolo, afinal ser bonita de rosto e corpo é uma grande ofensa….É que as reais barangas tem uma inveeeeeja de mulher bonita, gostosa, inteligente e respeitável e bem sucedida, principalmente quando ela é tudo isso sem ser feminista, aí mata a concorrência mesmo hahahahah Politicamente correto o escambau!!!