Obra do cartunista Duayer no jornal O Pasquim ganha resgate no Catarse

Por Marcelo Naranjo
Data: 15 abril, 2019

Salve-se quem puder – Pasquim 50 anos, cartuns e fotos de Duayer é um livro editado pelo jornalista Francisco Ucha com uma seleção do que de melhor o fotógrafo e cartunista Duayer produziu para O Pasquim. A obra resgata mais de duas centenas de cartuns e fotos memoráveis publicadas durante a melhor fase do jornal, no início dos anos 1970.

De uma tiragem inicial de 20 mil exemplares, O Pasquim atingiu a marca de mais de 200 mil exemplares semanais em pouco tempo, tornando-se um dos maiores fenômenos do mercado editorial brasileiro e porta-voz da indignação da população que vivia os anos de chumbo.

A obra faz parte das homenagens pela passagem, em 2019, dos 50 anos de fundação do Pasquim. Duayer registrou momentos antológicos dos bastidores do jornal, incluindo as grandes entrevistas, as “pasquim-novelas”, as capas e muita gente famosa que marcou aquela época, além de ter se revelado um cartunista de mão cheia e visão crítica.

Suas fotos e cartuns dão um painel preciso de uma época heroica do humor e da contestação.  A importância de sua obra e o significado do Pasquim na cultura gráfica brasileira e na luta pela liberdade precisam ser sempre revisitados e lembrados.

O livro terá formato 20,7 x 21 cm e 176 páginas. Para viabilizar a publicação, a obra está na plataforma Catarse, com desconto para apoiadores.

Confira e colabore clicando aqui.

Salve-se quem puder - Pasquim 50 anos, cartuns e fotos de Duayer

• Outros artigos escritos por

.

.

.