Primavera em Tchernóbil, da Geektopia, documenta a vida dos sobreviventes do acidente da usina nuclear

Por Samir Naliato
Data: 12 junho, 2020

A editora Geektopia lançará em julho, Primavera em Tchernóbil (formato 23 x 33 cm, 168 páginas, capa dura, R$ 79,90), do quadrinhista francês Emmanuel Lepage.

A edição está em pré-venda na Amazon com frete grátis para usuários Prime.

Trata-se de um documentário em quadrinhos produzido após a visita do autor à Chernobil para testemunhar a vida na cidade tantos anos após o grave acidente nuclear.

O mundo seguiu seu curso, mas muitas pessoas ficaram para trás. Descubra o que aconteceu com elas neste documentário em quadrinhos sobre tragédia e morte, pessoas e terra. E sobre o que resta depois de um desastre.

Foi em 26 de abril de 1986. O núcleo do reator da usina nuclear de Tchernóbil, na Ucrânia, começa a derreter, desencadeando o maior desastre nuclear da História. Enquanto o mundo dormia, uma nuvem carregada de radiação viajou por milhares de quilômetros em todas as direções, contaminando cinco milhões de inocentes.

À época, Emmanuel Lepage tinha apenas 19 anos. Mais de 20 anos depois, em abril de 2008, um grupo de ativistas e artistas visita Tchernóbil a fim de documentar a vida dos sobreviventes da tragédia, que vivem nas terras contaminadas. Enviado para representar paisagens brutais de desastre e a loucura do homem, Emmanuel Lepage se surpreende com a inesperada beleza que encontra naquele inóspito lugar.

Clique aqui para ler o review da edição americana Springtime In Chernobyl, lançada pela IDW Publishing.

Primavera em Tchernóbil

• Outros artigos escritos por

.

.

.