Príncipe Valente é foco de nova obra da Marca de Fantasia

Por Marcelo Naranjo
Data: 26 abril, 2005

Algumas Leituras do Príncipe ValenteO
Príncipe Valente, de Harold Foster, é personagem de uma das mais importantes
histórias em quadrinhos norte-americanas e mundiais, não só pelo belo
desenho anatômico e paisagístico, elaborado com rigor acadêmico, bem como
pelos roteiros, considerados tão bons quanto os desenhos, ou superiores.

Do texto destaca-se a escolha da saga como gênero, o desenvolvimento das
histórias, a caracterização das personagens. Para Edgard Guimarães, Foster
soube dar às personagens profundidade humana com comportamentos ricos
em nuances, às vezes ambíguos.

Considerada como um clássico dos quadrinhos, a obra de “Hal” Foster tem
caído injustamente num certo esquecimento devido a massificação de personagens
heróicos e outros gêneros de moda.

Príncipe Valente foi publicado nos jornais norte-americanos a partir de
1937 e republicado em livros, revistas e álbuns em todo o mundo, já tendo
sido objeto de muitos estudos, artigos e livros.

O texto de Edgard Guimarães propõe uma releitura – ou algumas leituras
– do personagem, abordando vários aspectos pouco ou nunca analisados da
obra, como a qualidade literária do texto, o rigor histórico e a fidelidade
documental dos acontecimentos retratados, o senso de humor em relação
ao caráter aventureiro, o lirismo e a fantasia das situações, a criatividade
do personagem, a censura interna da obra, e os problemas de tradução.

O livro inclui o texto O maior roteirista de quadrinhos, do mesmo
autor, que traz, em forma de conto, várias informações sobre uma fase
áurea dos quadrinhos de aventuras e de humor principalmente norte-americanos,
e algumas análises sobre o mercado de quadrinhos no Brasil, além do processo
criativo dos mesmos.

Algumas Leituras do Príncipe Valente (formato 12 x 18cm, 72 páginas,
R$ 10,00) é uma publicação da Marca
de Fantasia
.

• Outros artigos escritos por

.

.

.