Em 2020, ProAC destinará R$ 1 milhão para projetos de quadrinhos

Por Sidney Gusman
Data: 22 julho, 2020

A Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo abriu inscrições para a edição de 2020 do concurso do ProAC – Programa de Ação Cultural, que contempla a criação e publicação de histórias em quadrinhos.

O edital está disponível no site da Secretaria da Cultura e vai selecionar projetos com prêmio máximo de R$ 50 mil para cada um. As inscrições vão até 10 de setembro.  A verba total é de R$ 1 milhão de reais, e o proponente pode solicitar até 50 mil reais para o seu projeto.

O edital não esclarece quantos projetos serão os contemplados. Uma simples operação matemática sugere que sejam vinte, mas (apesar de improvável) pode acontecer de alguém pedir um valor menor do que o teto estabelecido e sobrar dinheiro.

Como aconteceu nos últimos anos, 50% dos premiados terão que ser de fora da capital. Além disso, 20% dos vencedores serão autores que nunca publicaram quadrinhos.

Desde 2008, o ProAC mantém um edital voltado exclusivamente ao incentivo e produção de quadrinhos. Em 2015, foi a última vez que foram premiados 20 projetos.

Ao longo do tempo, tanto o valor da premiação quanto o número de contemplados sofreram alterações. Confira abaixo.

2008 a 2011: 10 prêmios de R$ 25 mil;

2012: 5 prêmios de R$ 40 mil;

2013: 15 prêmios de R$ 40 mil;

2014 e 2015: 20 prêmios de R$ 40 mil;

2016: 12 prêmios de R$ 40 mil;

2017 e 2018: 14 prêmios de R$ 40 mil;

2019: 11 projetos dividiram o prêmio de R$ 546.446,00 (o teto era R$ 60 mil).

• Outros artigos escritos por

.

.

.