Uma história de amor e tragédia em Inês & Pedro, de Marcatti

Por Marcelo Naranjo
Data: 17 maio, 2019

O intenso romance entre Inês e Pedro gerou quatro filhos, mas foi interrompido pelo brutal assassinato de D. Inês de Castro com o consentimento de Afonso IV, rei de Portugal e pai do então príncipe herdeiro D. Pedro.

Da tragédia, explode uma guerra civil entre pai e filho. Com a morte do rei Afonso IV, D. Pedro assume o trono de Portugal e põe em curso a implacável vingança contra os assassinos de sua amada.

Além disso, e como símbolo de seu amor imortal, o agora D. Pedro I declara D. Inês de Castro sua rainha e promove a emblemática cerimônia de coroação de seu cadáver.

Além de recontar essa inigualável história de amor em forma de arte sequencial, o quadrinhista Marcatti e a professora e pesquisadora Libânia Molina de Souza preenchem lacunas deixadas pelo véu da História e trazem o contexto social, econômico e político da época para levar o leitor a uma viagem ao cotidiano medieval português do Século 14. Personagens reais e fictícios contam, juntos, uma grandiosa e apaixonada trama que continua viva no imaginário popular há mais de 650 anos.

A HQ Inês & Pedro (formato 15,5 x 23 cm, 144 páginas) está em uma campanha flexível na plataforma colaborativa Catarse, com diversas recompensas.

Clique aqui e colabore.

Inês & Pedro

 

• Outros artigos escritos por

.

.

.

  • Claudinei Pinas

    A expressão “agora inês é morta”, que ouvi muito no Rio quando um problema não admitia mais providências, surgiu dessa história. Acho.

    • Cliff Rodrigo Silva

      Surgiu daí mesmo