Zodiako Premium comemora os 40 anos do personagem criado por Jayme Cortez

Por Marcelo Naranjo
Data: 5 junho, 2015

Zodiako é o super-herói protagonista de uma saga metafísica alegórica e política, com características psicológicas adaptadas dos signos do zodíaco, criação do artista luso-brasileiro Jayme Cortez (1926 – 1987).

Na trama, os signos convocam a Grande Luz para gerar o super-herói Zodiako, que recebe superpoderes de “14 signos”, podendo utilizá-los quando estiver em ação, mas apenas um de cada vez.

Nesta única aventura completa de Zodiako, ele enfrenta o dionisíaco e obeso vilão Apolo, um maníaco que escraviza e sacrifica os homens-carvão nas chamas eternas do Sol.

Concebido e publicado durante a ditadura militar brasileira e refletindo sobre o regime salazarista de Portugal, o personagem marcou com ousadia um enredo de grande inovação estética.

Zodiako Premium (formato gigante  24,5 x 34,5 cm, 88 páginas, R$ 79,00) comemora os 40 anos de lançamento do álbum de 1975, que ganhou o prêmio O Tico-Tico no 2º Congresso Internacional de Histórias em Quadrinhos de Avaré, em São Paulo. O álbum rendeu também a Jayme Cortez em 1986, em Lucca, Itália, o prêmio Caran D’Ache, no 20º Festival Internacional de HQ e Ilustração, quando o artista comemorava seus 50 anos como desenhista.

O álbum é um lançamento da editora Opera Graphica e contém, além da graphic novel, um pôster e um extenso making of com depoimentos de vários artistas e fotografias históricas, mais os bastidores da criação e as páginas inéditas da segunda aventura, que não foi concluída e permanece inédita.

O evento de lançamento será no próximo sábado, 6 de junho, das 15h às 18h, na Comix Book Shop (Alameda Jaú, 1998, São Paulo/SP).

zodiako_capa

• Outros artigos escritos por

.

.

.