MÁGICO VENTO # 56

Por Toni Rodrigues
Data: 1 dezembro, 2007


Título: MÁGICO VENTO # 56 (Mythos
Editora
) – Revista mensal

Autores: Gianfranco Manfredi (texto) e Giuseppe Barbati e Bruno Ramella (desenhos).

Preço: R$ 6,90

Número de páginas: 96

Data de lançamento: Fevereiro de 2007

Sinopse: Os Cavaleiros do Círculo Dourado – Ao menos em parte, esta é uma história real, vivida por um legítimo grande personagem da história dos Estados Unidos, George Washington Cochran.

Um homem negro que escapou da escravidão e tentou fundar uma comunidade livre, na qual negros, chineses e índios seriam tratados com igualdade por todos. Infelizmente, um sonho desses não poderia passar sem chamar a atenção daqueles que lutavam justamente contra esse tipo de pensamento e é aí que entram os protagonistas da revista.

Conseguirão Little Boy, Poe e Mágico Vento evitar que ocorra uma tragédia?

Positivo/Negativo: Mais uma vez, uma ótima história, contada por meio de personagens eloqüentes e bem delineados, como Bobby, ex-estudante de Harvard, que depois de ser ajudado numa hora difícil, se torna um agente infiltrado de Mágico Vento na quadrilha de Miller e Split.

Os dois, a princípio, são vilões clássicos, mas no caso de Split com um twist no final da história. Outros personagens muito bem elaborados são o Xerife Johnson, um velho homem da lei sobre o qual paira a dúvida acerca de suas reais motivações no caso, e Wu-Sung, o artista marcial chinês, um tanto estereotipado, porém com alguns dos melhores diálogos da trama.

Os desenhos da dupla Barbatti e Ramella são um pouco inferiores à média da série, que quase sempre tem grandes artistas. Mesmo assim, vale cada centavo.

Classificação:

4,0

• Outros artigos escritos por

.

.

.