MÁGICO VENTO # 66

Por Toni Rodrigues
Data: 1 dezembro, 2008


Autores: Gianfranco Manfredi (texto) e Goran Parlov (desenhos).

Preço: R$ 6,90

Número de Páginas: 96

Data de lançamento: Dezembro de 2007

Sinopse: O poço dos sacrifícios – O poderoso xamã Grande Silêncio faz Mágico Vento retornar no tempo em uma viagem astral até a época em que viviam os temíveis Antigos, inimigos mortais de Ned Ellis.

Positivo/Negativo: Nesta história, Manfredi leva o leitor a uma época mítica, uma América pré-colombiana, talvez até pré-histórica, onde habitavam seres de imenso poder, os chamados “Antigos”.

Ao contrário da maioria das histórias de Mágico Vento, aqui não há, nem tem como haver, uma fundamentação histórica, uma pesquisa sobre fatos que dão base à trama. É tudo fruto da imaginação de Manfredi e isso, de certo modo, é raro na série.

A trama é boa, mas não estaria entre as melhores de Mágico Vento se não fossem os desenhos excepcionais de Goran Parlov. A maneira como a ação é conduzida por meio das imagens, principalmente na seqüência da fuga, está entre os pontos altos da série.

O desenho do croata Parlov é vigoroso e elegante, realista até o ponto necessário, sem exageros formais. Um trabalho de primeira. Ultimamente, o artista tem trabalhado para os quadrinhos norte-americanos, fazendo o Justiceiro de Garth Ennis e tem mostrado todo o seu talento lá também.

Ele e Milazzo (apesar de diametralmente opostos em seus estilos) são os dois melhores desenhistas de Mágico Vento. E como a série tem grandes artistas entre seus colaboradores, esse mérito torna-se ainda maior.

Como curiosidade, se alguém quiser saber como é a cara de Goran Parlov, há uma foto dele aqui.

Classificação:

4,0

• Outros artigos escritos por

.

.

.