MÁGICO VENTO # 89

Por Tiago Pavinato Klein
Data: 8 setembro, 2009


Autores: Gianfranco Manfredi (texto) e Ivo Milazzo (desenhos).

Preço: R$ 7,90

Número de páginas: 96

Data de lançamento: Novembro de 2009

Sinopse: Terra de Ninguém – Um grupo de shoshones ataca indígenas nas Badlands, capturando-os para entregar ao General Crook. E Mágico Vento tenta impedir esta tragédia.

Positivo/Negativo: Um dos raros episódios de Mágico Vento sem a presença de Poe, seu companheiro de aventuras.

E é um épico! Nas Badlands, terras ocupadas por famílias indígenas esporádicas, um grupo de shoshones passa a atacar as diversas pequenas aldeias para escravizar os outros povos, e levá-los ao General Crook, numa política de colaboração com os brancos.

Mágico Vento, Cervo Vermelho e outros sioux perseguem os shoshones para evitar a destruição de todos os grupos das Badlands.

Mais uma vez, a revista mostra por que é uma das melhores nas bancas brasileiras, merecendo ser acompanhada mensalmente. A arte de Milazzo já vale o preço de capa: o artista carrega na tinta, produzindo páginas de grande contraste entre o branco e o preto. A de abertura é ótima, com uma menina caçando uma lagartixa para se alimentar.

O episódio da edição retrata novamente os embates entre povos indígenas e o avanço dos brancos pelo oeste norte-americano. Neste número, os antagonistas são os povos shoshones, que o texto da Blizzard Gazette caracteriza muito bem. Conhecidos por proteger sua identidade por intermédio de acordos com os brancos, aqui esses índios formam um grupo feroz, que escraviza os sioux das Badlands.

Além disso, o episódio é permeado pelas vidas particulares de indígenas: histórias de amor, um personagem solitário e traições. E aí, Manfredi consegue novamente, com muita sensibilidade, retratar os sentimentos das pessoas em meio à costumeira batalha pela sobrevivência.

Agora que o autor entregou o último roteiro da série na Itália, cresce ainda mais o interesse pelo personagem, para saber o final da saga.

 

Classificação:

4,0

• Outros artigos escritos por

.

.

.