QUARTETO FANTÁSTICO – O FIM # 2

Por Fernando Viti
Data: 1 dezembro, 2008


Autor: Alan Davis (roteiro e desenhos).

Preço: R$ 5,90

Número de páginas: 72

Data de lançamento: Agosto de 2007

Sinopse: Em diferentes pontos do sistema solar, os membros do Quarteto Fantástico travam, ao lado de super-heróis como Namor e Raio Negro, acirradas batalhas contra uma conspiração que coloca em cheque a paz no planeta Terra.

Em meios a esses conflitos, o Tocha Humana reencontra-se com o Coisa, em Marte; Sue Storm tem Namor como aliado para a ameaça que vem dos oceanos: o maligno e saudoso Toupeira; e o intelectual Senhor Fantástico precisa lidar com a ameaça do Superskrull.

A situação é tão catastrófica que até mesmo o Galactus é envolvido por esta crise sem precedentes.

Positivo/Negativo: Parece brincadeira, mas esta segunda parte de Quarteto Fantástico – O Fim é de um feito e tanto: consegue ser pior que a primeira parte desta “saga”. É péssima.

Nesta edição, o entre e sai de heróis e vilões ocorre da maneira mais sem graça possível, sem o menor clima. Em alguns momentos, o leitor tem a impressão de estar diante de uma versão de Trapalhões do Universo Marvel. Impera nesta HQ o pior do humor involuntário.

As páginas do encontro entre o Tocha Humana e a família Coisa são constrangedoras: se já não fosse suficiente ver Ben curtindo o verão marciano num pufe flutuador, o leitor tem que engolir o Tocha usando um figurino de cantor de heavy metal dos anos 80. Mas deprimente mesmo é a guerra de comida que envolve os dois personagens citados e os filhos do Coisa…

A batalha entre todos os vilões contra todos os heróis da Marvel
continua. E daí? Melhor, talvez, fazer como o Galactus, ou seja, cochilar
até um personagem, que não foi detonado pelo péssimo trabalho de Alan
Davis, como o sempre legal Vigia (Como ninguém notou a ausência deste
personagem no último filme do Quarteto Fantástico?).

Classificação:

4,0

• Outros artigos escritos por

.

.

.