Star Wars Legends – Boba Fett – Inimigo do Império

Por Thiago Rique
Data: 27 abril, 2018

Star Wars Legends – Boba Fett – Inimigo do ImpérioEditora: Panini Comics – Edição especial

Autores: Inimigo do Império – John Wagner (roteiro), Ian Gibson e Jon Nadeau (desenhos), Ian Gibson e John Amash (arte-final) e Perry McNamee e Brian Gregory (cores) – Originalmente em Boba Fett: Enemy of the Empire;

Caça a Bar-Kooda – John Wagner (roteiro), Cam Kennedy (desenhos) e Chris Blythe (cores) – Originalmente em Boba Fett: Bounty of Bar-Kooda.

Preço: R$ 16,90

Número de páginas: 144

Data de lançamento: Setembro de 2015

Sinopse

Inimigo do Império – Um oficial imperial deserta levando uma caixa com conteúdo tão perigoso que o interesse alcança o próprio Darth Vader, e só há uma pessoa que o sith sabe ser capaz de rastrear o fugitivo: o caçador de recompensas Boba Fett.

Mas Vader não é inocente a ponto de confiar no mercenário, e põe em movimento um audacioso plano para se assegurar de receber o item de forma inviolável.

Caça a Bar-Kooda – Um hutt apaixonado é capaz de tudo para ganhar a confiança de seu futuro sogro. Até contratar Boba Fett por uma absurda fortuna para se livrar de um dos inimigos do pai de sua amada, o pirata espacial Bar-Kooda.

Para tanto, Fett precisará dos serviços de um antigo prisioneiro do bucaneiro para conseguir invadir sua nave-fortaleza. E o fato de ele já ter morrido é um mero detalhe.

Positivo/Negativo

O caçador de recompensar Boba Fett é, indiscutivelmente, um dos personagens secundários mais queridos de Star Wars; e tem rendido, desde sua estreia (em Star Wars – Holiday Special) vários livros, bonecos articulados e histórias em quadrinhos. Este encadernado da Panini traz duas delas, Inimigo do Império e Caça a Bar-Kooda.

Ambas são escritas por John Wagner, famoso autor britânico mais conhecido no Brasil por ser cocriador do Juiz Dredd. O autor fez uma carreira prolífera escrevendo para a revista 2000 AD, no Reino Unido, e muito de seu estilo europeu povoa de maneira livre as narrativas das duas tramas deste volume, publicadas originalmente pela Dark Horse nos Estados Unidos.

Personagens absurdos e humor nonsense, como a Ordem dos Pessimistas, até a violência brutal em algumas cenas são marcas do trabalho de John Wagner.

É uma pena que as narrativas sejam pouco originais, caindo muito no campo do clichê e do dispensável, embora tentem explorar alguns elementos de surpresa. Histórias sobre caçadores de recompensa e submundo do crime são um campo fértil para a mente de qualquer roteirista.

Wagner até encontra o caminho para escrever duas tramas distintas, mas o resultado final é apenas mediano, e nem seu humor irônico se prova um diferencial positivo. É curioso notar como, em ambas, Boba Fett é relevado ao papel de coadjuvante, o que também pode virar um elemento de decepção para o leitor desejoso de conhecer mais sobre o mercenário.

Os artistas também vêm do Reino Unido, e Cam Kennedy, sem dúvida, se sai melhor que Ian Gibson e John Amash.

Veterano responsável por ilustrar o clássico A Guerra da Luz e Trevas, além de várias das primeiras histórias de Star Wars para Dark Horse, como a igualmente clássica Império do Mal, Kennedy é especialista em retratar combates militares, armas, armaduras, naves e veículos. Todos os seus trabalhos são um show visual, e as cores aquareladas de Blythe embelezam mais ainda sua arte.

Apesar de mais curta, Caça a Bar-Kooda é o maior atrativo do encadernado, por conta do trabalho visual da dupla.

Gibson por sua vez tem um estilo por demais cartunesco, o que ajuda no elevado tom cômico da primeira HQ, Inimigo do Império. Por outro lado, isso prejudica muito a representação de Darth Vader, cuja presença é fundamental na parte final da trama.

Vale apontar, por fim, que Caça a Bar-Kooda foi editada também na série de graphic novels da Planeta DeAgostini, mais especificamente no volume 62, Boba Fett 3.

No geral, são duas aventuras passáveis, cujo interesse ficará para os fãs mais ardorosos de Star Wars, especialmente os de Boba Fett.

Agora dentro do selo Legends, vale lembrar que nenhuma delas é mais considerada parte do cânone oficial de Star Wars. Dos três encadernados lançados pela Panini com histórias do caçador de recompensas, até o momento, Inimigo do Império é o mais fraco.

Classificação:

2,5

.

Compre esta edição aqui!

• Outros artigos escritos por

.

.

.