STRIPMANIA # 2

Por Samir Naliato
Data: 1 dezembro, 2003


Autores: Homem-Aranha – Stan Lee (argumentos) e John Romita (desenhos);

Tarzan – Russ Manning (argumentos e arte);

Ben Bolt – Joe Kubert (argumentos e arte).

Preço: R$ 7,50

Número de páginas: 80

Data de lançamento: Maio de 2003

Sinopse: Homem-Aranha – Peter Parker conhece uma nova garota chamada Tana, e logo começam a sair juntos. Mas o que ele não sabia é que o pai de seu novo amor é um terrorista que coloca bombas em vários pontos de Nova York para chamar a atenção sobre o país natal dos dois, a Boravia.

Tarzan – Uma estranha seita tenta trazer os deuses egípcios de volta a vida. Ou, pelo menos, é isso que o vilão Dagga-Ramba quer que acreditem, enquanto escraviza todo um povo. Resta a Tarzan salvar essas pessoas antes que ele mesmo se torne vítima.

Ben Bolt – Sr. Amos, agente que organiza lutas de boxe, quer fazer uma grande festa no dia 4 de julho (independência dos Estados Unidos). Para isso, procura o índio Ray Chute, a quem oferece uma boa quantia em dinheiro para topar enfrentar contra o campeão mundial.

Positivo/Negativo: Demorou, mas finalmente chegou. A ótima idéia da Opera Graphica de publicar tiras em quadrinhos clássicas em formato de coletânea numa revista chega, mais uma vez, ao mercado com um conteúdo muito bom.

Como em Stripmania #1, Homem-Aranha e Tarzan voltam neste segundo número, agora acompanhados por Ben Bolt, que não é muito conhecido no Brasil. Mas, para compensar, a editora trouxe uma história escrita e ilustrada pelo mestre Joe Kubert.

Percebe-se a preocupação de Kubert em explorar várias possibilidades de diagramação, mesmo num formato tão limitado quanto o das tiras.

Como de praxe nas publicações da Opera, e especialmente em Stripmania, há uma série de artigos elucidativos sobre esses três personagens e mais O Fantasma, com informações e curiosidades, todos eles feitos pelo editor Roberto Guedes. A edição traz também uma seção de cartas.

Mas a publicação tem dois pontos negativos. O primeiro é o preço, pois R$ 7,50 é um pouco salgado para uma revista de 80 páginas, em preto e branco e papel jornal, mesmo apresentando uma boa coletânea de tiras em quadrinhos.

O segundo é a periodicidade do título, que parece ser anual. Vamos esperar que Stripmania # 3 não demore tanto para ser lançada!

Classificação:

4,0

• Outros artigos escritos por

.

.

.