SUPER-HOMEM – AS QUATRO ESTAÇÕES 4 – INVERNO

Por Ronaldo Barata
Data: 1 dezembro, 2006


Título: SUPER-HOMEM – AS QUATRO ESTAÇÕES 4 – INVERNO (Editora
Abril
) – Minissérie quinzenal em quatro edições
Autores: Jeph Loeb (texto), Tim Sale (desenhos), Bjarne Hansen (cores).

Preço: R$ 3,90

Número de páginas: 48

Data de lançamento: Outubro de 1999

Sinopse: Derrotado, o Super-Homem retorna a Pequenópolis buscando a mesma segurança que tinha em sua adolescência.

Sozinha, Metrópolis fica novamente nas mãos de Lex Luthor.

Em Pequenópolis, Clark reencontra Lana Lang, um ombro amigo com quem pode desabafar e em quem sempre pôde confiar.

E é justamente Lana quem narra agora a sua maneira de ver o Super-Homem.

Positivo/Negativo: Inverno encerra a minissérie com um retorno ao princípio.

Quase nada mudou naquela pequena cidade do Kansas e, por um momento, parece que Clark vai retomar sua antiga vida e deixar os atos heróicos para trás… porém, a vocação fala mais alto.

Depois de salvar a cidade e seus entes queridos de uma inundação, Clark volta a acreditar em si mesmo e no bem que faz às pessoas.

Durante a minissérie, foi explorado sempre o lado humano do Homem de Aço, suas dúvidas sobre o futuro, sua dedicação às responsabilidades, sua devoção incondicional às pessoas, seu altruísmo… mas ainda faltava algo para deixar-lo menos “perfeito”: seus medos.

Em Inverno, Loeb trabalha a idéia de um Super-Homem fragilizado
e se escondendo de seus medos, conseqüência dos eventos da edição
anterior
.
Tanto os desenhos de Tim Sale quanto as cores de Bjarne Hansen fazem o clima parecer pesado por quase toda a revista. A exceção são as últimas páginas, nas quais há o regresso de um Super-Homem completamente revigorado.

As Quatro Estações é, na verdade, a junção de quatro histórias de amor: o de um pai por seu filho; o de Lois por um homem perfeito; o de dois homens por uma mesma cidade e, por último, o amor adolescente de Lana Lang.

Sem dúvida, um material que presta uma grande homenagem ao maior herói da Terra e que está sendo republicado numa edição encadernada pela Panini Comics, no título Grandes Clássicos DC.

 

Classificação:

4,0

• Outros artigos escritos por

.

.

.