Universo DC # 9 – Novos 52

Por Marcelo Alexandre Pacheco
Data: 8 março, 2013

Universo DC # 9 - Novos 52Editora: Panini Comics – Revista mensal

Autores: O preço da vitória (Earth 2 # 1) – James Robinson (roteiro), Nicola Scott (arte), Trevor Scott (arte-final) e Alex Sinclair (cores);

Renascimento (World’s Finest # 1) – Paul Levitz (roteiro), George Pérez (desenhos), Scott Koblish (arte-final), Kevin Maguire (arte) e Hi-Fi e Rosemary Cheetam (cores);

Crânio-Bôs (Men of War # 4 II) – B. Clay Moore (roteiro) e Paul McCaffrey (arte e cores);

N formas de morrer (The Savage Hawkman # 9) – Rob Liefeld e Mark Poulton (roteiro), Joe Bennett (desenhos), Art Thibert (arte-final) e Jason Wright (cores);

Incidente internacional (The fury of Firestorm # 9) – Ethan Van Sciver e Joe Harris (roteiro), Yildiray Cinar (desenhos), Marlo Alquiza e Norm Rapmund (arte-final) e Hi-Fi (cores);

Queridos irmãos (Wonder Woman # 9) – Brian Azzarello (roteiro), Tony Akins (desenhos), Dan Green (arte-final) e Matthew Wilson (cores);

Os outros – Capítulo 3 (Aquaman # 9) – Geoff Johns (roteiro), Ivan Reis (desenhos), Joe Prado, Oclair Albert e Andy Lanning (arte-final) e Rod Reis (cores).

Preço: R$ 15,90

Número de páginas: 144

Data de lançamento: Fevereiro de 2013

Sinopse

O preço da vitória – A Terra de um universo paralelo (Terra-2) sofre uma invasão e seus maiores heróis tentam salvar o planeta.

Renascimento – Poderosa e Caçadora, oriundas da Terra-2, enfrentam desafios na Terra-1 e tentam retornar para seu lar.

Crânio-Bôs – Uma história curta de guerra que mostra que o errado pode ser certo.

N formas de morrer – Gavião Negro enfrenta alguns adversários e vai parar em uma arena.

Incidente internacional – Paris sofre ataques de terroristas com poderes do Nuclear, e a Liga da Justiça Internacional aparece para ajudar a salvar a Cidade-Luz.

Queridos irmãos – As maquinações de Discórdia estão rendendo seus frutos e a Mulher Maravilha tem uma grande surpresa no final.

Os outros – Capítulo 3 – Arraia Negra continua seu ataque aos ex-integrantes do grupo chamado “Os Outros”. E um segredo sobre o Aquaman é revelado.

Positivo/Negativo

Esta edição promove a estreia de novas séries, como Terra-2 e Melhores do Mundo, que já eram esperadas. Principalmente a primeira, por sua polêmica com a sexualidade de Alan Scott, em sua segunda edição.

Terra-2 está acima da média, assim como Aquaman e Mulher Maravilha. Não à toa, seus roteiristas são nomes bastante conhecidos e premiados na indústria das HQs.

O trabalho de Azzarello com a Mulher Maravilha trouxe uma nova ótica sobre a personagem. A caracterização dos deuses gregos é totalmente diferente do que o leitor estava habituado a ver.

O Aquaman de Geoff Johns também merece elogios. O personagem nunca teve muita simpatia entre a maioria dos leitores, tendo apenas alguns bons momentos até hoje. O autor, no entanto, o deixou bem interessante, tanto em seu visual, usando um tridente, quanto em sua interação com os homens da superfície. Além disso, o Arraia Negra passou a ser realmente perigoso.

James Robinson já foi premiado por seu trabalho em Starman. Por isso, sempre se espera dele mais um excelente trabalho. Terra-2 começa com uma surpresa relacionada aos “três grandes” e uma grande mudança no destino de outras duas personagens.

Melhores do Mundo mostra o que aconteceu a seguir na vida de duas personagens que apareceram em Terra-2: Caçadora e Poderosa. Ambas são carismáticas e faziam sucesso no período pré-reboot. Sem contar que os desenhos são de George Pérez e Kevin Maguire, o que, por si só, já torna a HQ chamativa.

Em relação às demais aventuras, destaca-se Nuclear, com a participação da Liga da Justiça Internacional. O Gavião Negro entra na fase com roteiros de Rob Liefeld (e só se salvam os desenhos do brasileiro Joe Bennett) e ainda há uma história curta de guerra, com um pequeno erro de português no 2º balão da página 60.

No geral é uma boa edição, com alguns dos melhores roteiristas e desenhistas do mercado.

Classificação

3,5

• Outros artigos escritos por

.

.

.