WOLVERINE # 5

Por Zé Oliboni
Data: 1 dezembro, 2005

Título: WOLVERINE # 5 (Panini
Comics
) – Revista mensal
Autores: Wolverine – Greg Rucka (roteiro) e Leandro Fernandez (arte);

Mística – Sean Mackeever (roteiro) e Manuel Garcia (arte);

Emma Frost – Karl Bollers (roteiro) e Carlo Pagulayan (arte),

Arma X – Frank Tieri (argumento) e Jeff Johnson (desenhos).

Preço: R$ 6,90

Número de páginas: 96

Data de lançamento: Abril de 2005

Sinopse: Wolverine – Logan vai com tudo pra cima dos Coiotes da Fronteira.

Arma X – Câmara continua sua missão de matar o líder dos O-men.

Mística – Raven descobre mais do que gostaria sobre a DermaFree.

Emma Frost encontrará mais formas lucrativas de utilizar seus poderes.

Positivo/Negativo: Parece que Rucka começou a se encontrar e escreveu uma boa história de ação neste número. Cada vez mais, ele transforma o Wolverine em um Justiceiro que deixa o acaso escolher seus alvos, mas está fazendo isso de forma divertida. Até os desenhos melhoraram, permitindo que Leandro Fernandez mostre talento em seqüências de ação.

Na mesma linha segue Mística, com mais uma boa história de ação e espionagem traçada com um desenho funcional e elegante. Um ponto bom e um ruim podem ser levantados sobre a trama. O positivo é o fato de a pele da personagem ter sido usada como base para um produto de beleza, envolvendo-a pessoalmente e gerando dúvidas sobre o que o professor Xavier realmente sabia. O negativo foi Raven transformar seus braços em asas, um exagero e tanto dos poderes dela.

Arma X perdeu um pouco o rumo e virou uma extensão dos X-Men de Chuck Austen. Essa foi mais uma trama de ação que, seguindo a linha de Wolverine, discute a idéia de um herói matar. O que enterrou definitivamente a aventura foi a arte, cujo único ponto marcante foi o rosto deformado e chapado de Logan.

Emma Frost é uma revista que fica perdida no meio de um mix de ação rasa como é Wolverine. A história é boa, com um traço leve e bem cuidado, mas fica totalmente fora de contexto para o leitor que procura o pique das aventuras do canadense.

Classificação:

4,0

• Outros artigos escritos por

.

.

.