A polêmica HQ em que Pato Donald e sobrinhos pirateiam CDs

Por Marcus Ramone
Data: 1 março, 2016

Entre tantas profissões que o Pato Donald já exerceu em sua vida, uma delas chamou bastante atenção em 2007: a de “pirata virtual”.

No gibi Donald Duck # 49, lançado na Holanda em dezembro daquele ano, os sobrinhos trigêmeos baixaram músicas da internet e, por essa razão, viraram alvo da ira do Tio Patinhas, dono de uma gravadora.

Huguinho, Zezinho e Luisinho afirmaram ter feito o download de um álbum musical porque não tinham 20 euros para pagar por ele naquele momento, mas que comprariam o CD quando estivessem com dinheiro.

Donald, por sua vez, resolveu lucrar vendendo 100 cópias de CDs com as músicas baixadas, ao preço de dez euros por unidade. “Por que vocês não fazem cópias disso?”, pergunta o pato. “Mas isso não é justo! Esse CD é protegido! Se ninguém mais comprar CDs, as gravadoras e artistas ficarão na miséria!”, responderam os sobrinhos.

Donald e sobrinhos

Em outro quadro da HQ, há outro contundente diálogo: “Mais uma multa por pirataria! Dez mil euros, seu ladrão dissimulado!”, diz Tio Patinhas. “Piedade! Estou muito arrependido! Também comprei o CD original!”, defende-se Donald.

Como tem apenas duas páginas e é carregada de mensagens sobre direitos autorais, a história parecia ser uma disfarçada orientação patrocinada pela Brein (a combativa entidade que atua contra a pirataria na Holanda), segundo especularam alguns sites daquele país.

Existe uma lei holandesa que proíbe publicidade oculta em rádio e televisão. Mas nada contra a prática em revistas (em quadrinhos ou não). Lá, também não é ilegal fazer download de músicas para uso privado, mas vender cópias não autorizadas de CDs é crime .

Donald pirateando CDs

Por tudo isso, a suposta “mensagem subliminar” incomodou muitos leitores, gerando burburinho e ganhando repercussão até mesmo fora do âmbito dos quadrinhos.

Tanto que a Brein se pronunciou oficialmente, negando qualquer envolvimento com essa história. O editor de Donald Duck também pediu desculpas aos leitores pelo incômodo causado.

Seja como for, a HQ Kopiëren (Cópia), que permanece inédita no Brasil, já entrou para o rol das curiosidades dos quadrinhos Disney.

• Outros artigos escritos por

.

  • alexandrino

    Muito boa a matéria. Cada um justificando o seu lado e ponto. Rsrsrs…Já tem a pirataria da pirataria. Tem gente vendendo até gibi baixado, acredita?

    • 0-Drix

      O pior é que tem gente comprando gibi baixado por outrem!

  • 0-Drix

    Esta esta história ainda não saiu no Brasil? Então, só baixando mesmo!

  • Juquinha

    +1 por matérias bacanas como essa!

  • Canoa Furada

    Matéria muito bacana! Mas o CD tá muito caro em Patópolis…