As mulheres e patas nuas de Carl Barks

Por Marcus Ramone
Data: 1 abril, 2014

Caricatura de Carl BarksCarl Barks não era apenas um exímio desenhista de cenários geográficos e animais antropomorfizados. O Homem dos Patos gostava de desenhar (e o fazia muito bem!) nus femininos.

No final da década de 1970, ele começou a produzir pinturas que uniam essa sua paixão àquela outra que o tornou célebre. O resultado: patas peladinhas, daquelas que fariam o Donald largar de vez a chata da Margarida e o Tio Patinhas ter um ataque cardíaco fulminante.

Cerca de dez anos antes, Barks deu uma palhinha da coisa em uma autocaricatura em que observava uma modelo nua e desenhava uma pata (olha só se não é a Margarida!?) e outra em que fazia o contrário.

Ele já havia trabalhado em uma revista de humor adulto, entre 1928 e 1935, e lá desenhou muitas charges com mulheres nuas. Ele também produziu sketches e pinturas com nu feminino, fora do universo dos patos (ou patas, melhor dizendo).

Olha só algumas das coisas legais que o MESTRE (com todas as letras maiúsculas) concebeu entre os anos 1930 e 1970:

 

Só fico imaginando quem teriam sido as modelos para essas poses. A moçoila aí, com jeitão de “foi bom pra você?”, é uma imagem de 1939:

Desenho de Carl Barks

E essas outras, em traços simples, mas não menos convidativas, foram desenhadas na década de 1940:

Sketch de Carl Barks Sketch de Carl Bark Sketch de Carl Bark

• Outros artigos escritos por

.

.

.