Desenhando Quadrinhos – O Segredo das Narrativas de Quadrinhos, Mangás e Graphic Novels

Por Lielson Zeni
Data: 18 fevereiro, 2011

Desenhando Quadrinhos - O Segredo das Narrativas de Quadrinhos, Mangás e Graphic NovelsEditora: M. Books – Livro teórico

Autor: Scott McCloud – Originalmente publicado em Making comics.

Preço: R$ 69,00

Número de páginas: 280

Data de lançamento: Setembro de 2007

Sinopse

Um manual com dicas e aprofundamento teórico sobre a linguagem dos quadrinhos. E em quadrinhos.

Positivo/Negativo

Você não conhece Scott McCloud? Não leu Desvendando os quadrinhos? Pois deveria.

A menos que o leitor não esteja interessado em produção de quadrinhos e, sobretudo, em entender melhor como a linguagem das HQs funciona. Para os demais, a leitura desta obra teórica é indispensável.

McCloud consegue discutir temas bastante relevantes sobre linguagem de quadrinhos, sem pesar demais a mão. O formato de uma história em quadrinhos sobre histórias em quadrinhos pode parecer um pouco passado, mas funciona bem.

Ao se colocar como personagem e ilustrar todos os exemplos, o livro de McCloud atinge o statusde um grande manual. Mas vai além disso. Bem além.

As reflexões e categorizações sobre linguagem de quadrinhos de McCloud são espertas e, por mais que o próprio autor não admita, superiores aos trabalhos teóricos de Will Eisner.

Longe de colocar o trabalho de Eisner em questão, mas McCloud parte dele e vai ainda mais longe.

Colocando as coisas em seus devidos lugares, é preciso afirmar que as reflexões teóricas de McCloud já começam a se mostrar insuficientes, quando não inadequadas. Por exemplo, a quantidade de categorizações criadas pelo autor. Embora elas ajudem a elucidar em um primeiro momento, tendem a se engessar e não alavancar outras ideias.

Mas é preciso que os interessados na linguagem dos quadrinhos repitam McCloud: cheguem a ele e dali partam para outros patamares.

Os leitores passam a ter uma visão mais completa das HQs, depois da leitura de Desenhando quadrinhos.

Vale ainda ressaltar que este é o terceiro livro de uma trilogia teórica, iniciada com Desvendando os quadrinhos e Reinventando os quadrinhos.

O melhor deste álbum é que ele não propõe verdades absolutas, mas algumas ideias para discutir. Tudo feito com bastante competência. Isso somado ao que foi dito acima o torna obrigatório aos fãs das HQs.

Classificação

5,0

• Outros artigos escritos por

.

.

.