Eaglemoss lançará coleção de grandes sagas da DC Comics

Por Samir Naliato
Data: 7 maio, 2018

Mais uma coleção está chegando ao mercado pela editora Eaglemoss e, desta vez, o tema será grandes sagas da DC Comics.

Batizada de DC Coleção de Graphic Novels – Sagas Definitivas, o primeiro volume traz a clássica Crise nas Infinitas Terras (formato 17 x 26, 368 páginas, capa dura, R$ 139,99), que já está em pré-venda na Amazon Brasil, com lançamento programado para o próximo mês de junho.

O Universo HQ entrou em contato com a Eaglemoss sobre o assunto. A editora informou que a coleção ainda está sendo fechada e, em breve, mais detalhes serão divulgados, incluindo  a lista completa de sagas e informações sobre assinatura.

Quando isso acontecer, informaremos as novidades.

Uma coleção similar saiu na Inglaterra com nove volumes. Além de Crise nas Infinitas Terras, também era composta por:

  • Universo DC – Legados;
  • Crise Final;
  • Crise de Identidade;
  • DC – Um Milhão – Parte 1;
  • DC – Um Milhão – Parte 2;
  • O dia mais claro – Parte 1;
  • O dia mais claro – Parte 2;
  • Invasão.

Esta será a terceira coleção de quadrinhos da DC Comics publicada pela editora. As outras duas foram DC Coleção de Graphic Novels, que recentemente foi expandida até o volume 100; e DC Coleção de Graphic Novels Especial, reunindo as sagas do Batman Cataclismo e Terra de Ninguém.

DC Coleção de Graphic Novels – Sagas Definitivas - Crise nas Infinitas Terras

• Outros artigos escritos por

.

.

.

  • Sandmantj

    e eu so queria saber quando acaba as coleções que estão na banca.

  • André Maria

    O problema da Eaglemoss é que a editora parace querer economizar na revisão, tem certas edições que até dá para confundir com alguma HQ do Chico Bento.

  • Marco Muchão

    Uma fortuna. Não valem os 140 reais.

  • Marcello S. Nicola

    Desses títulos só tenho interesse na CRISE original mesmo, que só li em formatinho

  • Josival Fonseca

    Esse povo tá sem noção, é? O Thor de Simonson de 400 pgs já tô achando caro, imagina isto?

  • Heberton Arduini

    Mais caro que o da Panini ?! Só por Deus !

  • Marquito Maia

    O pessoal do depto. comercial da Eaglemoss deve beber: a edição “definitiva” da Panini, com um formato maior, custou R$150,00 à época do seu lançamento.

    P.S. No quesito “consumo de álcool”, aposto que os revisores da editora (junto com os coleguinhas da Salvat) trabalham embriagados, porque o que tem de “gralha” em cada edição…

  • FINASTERIDO

    A única Crise que merece ser lida é esta.

  • Marcelo Franco

    Tirando “Crise nas infinitas terras” e “O dia mais claro”, o resto nem mereceria entrar na coleção. Muito material meia boc

  • Marquito Maia

    Pois é, o patrulhamento dos “reacionerds” (₢ Rogério de Campos) é de doer…
    E concordo em gênero e grau: gosto dos quadrinhos da DC – e das animações à la Bruce Timm – mas os filmes são ruins de doer! O menos pior é o da Mulher-Maravilha, e mesmo assim…

  • Gabriel Ribeiro

    Alguém sabe me dizer se a versão da panini tem mais paginas do que essa?