Graphic MSP do Piteco ganha título oficial

Por Samir Naliato
Data: 19 setembro, 2013

Piteco - IngáDepois das graphic novels Astrounauta – Magnetar, de Danilo Beyruth; Turma da Mônica – Laços, de Vitor e Lu Cafaggi; e Chico Bento – Pavor Espaciar, de Gustavo Duarte; chegou a vez de o quarto título da série ser revelado.

O editor Sidney Gusman anunciou, pelas redes sociais, que o álbum se chamará Piteco – Ingá. Como já se sabia desde 2011, o roteiro e arte são do paraibano Shiko. A arte ao lado é o teaser do projeto, a capa ainda não foi apresentada.

O título da edição, ao que tudo indica, é inspirado na Pedra do Ingá, o primeiro monumento arqueológico tombado como patrimônio nacional, em 1944. Na verdade, trata-se de um sítio rochoso com dezenas de inscrições em baixo relevo, cuja origem são desconhecidas. O bloco principal, de 24 metros de comprimento e quase quatro metros de altura, apresenta diversas gravuras mostrando o cotidiano e acontecimentos do homem pré-histórico que ali viveram.

A Pedra do Ingá fica localizada em Ingá, distante cerca de 100 km de João Pessoa, na Paraíba. Arqueólogos classificam o monumento como Itaquatiara que, em Tupi, significa “pedras pintadas”. E ela pode ser vista na primeira ilustração do álbum divulgada. Mas, até agora, não foram revelados mais detalhes da trama.

Piteco – Ingá será lançado em novembro, no Festival Internacional de Quadrinhos de Belo Horizonte. No mesmo evento, novos volumes da linha Graphic MSP serão anunciados.

Página de Piteco - Ingá

Foto da Pedra de Ingá real

• Outros artigos escritos por

.