Confins do Universo 042 – Tudo junto e misturado

Por Samir Naliato
Data: 17 janeiro, 2018

Quem é mais forte: Hulk ou Superman? Essa e outras perguntas similares fazem parte de discussões entre fãs acalorados. Como são personagens de editoras diferentes, isso acaba sendo uma válvula de escape para realizar, de alguma maneira, o desejo de vê-los numa mesma história.

Os conhecidos crossovers permeiam a imaginação tanto de leitores quanto autores, e isso já se tornou realidade algumas vezes. Desde as rivais Marvel e DC se juntando para projetos especiais e promovendo o encontro de seus super-heróis, até outras editoras e franquias entrando na brincadeira.

Neste episódio do Confins do Universo, relembramos e debatemos diversos desses crossovers. E não só os que foram publicados no Brasil, mas também alguns ainda inéditos! E ainda: mensagens dos ouvintes!

.

Participantes

_____________________________________________________________

Comentado neste programa

_____________________________________________________________

Contato

Envie a sua mensagem com sugestões, elogios ou críticas: podcast@universohq.com
Mensagem de voz via Whatsapp para (11) 94583-5989
Redes sociais: Twitter – Facebook – InstagramGoogle+Youtube

_____________________________________________________________

Assine o Confins do Universo

Feed RSS – http://podcast.universohq.com/feed/
iTunes Store

_____________________________________________________________

Confins do Universo em vídeo

Canal do Universo HQ no YouTube

_____________________________________________________________

Edição e Sonorização

O Confins do Universo é editado por Rádiofobia Podcast e Multimídia.

_____________________________________________________________

Narração de abertura e encerramento

Guilherme Briggs – Twitter – Facebook – Instagram

_____________________________________________________________

Logotipo e edição de vídeo

Damasio Neto – Facebook – Instagram

_____________________________________________________________

Ilustração do Confins do Universo

Daniel Brandão – Twitter – Facebook – Site Oficial


Confins do Universo

• Outros artigos escritos por

.

.

.

  • O Cobra enfrentado pela dupla era um vilão do Tocha Humana, seu nome original era Python
    http://marvel.wikia.com/wiki/Emil_Cullen_(Earth-616)

    O primeiro crossover de super-heróis de uma mesma editora costuma ser dito que foi um do Namor com o Tocha Humana em Marvel Mystery Comics #8 (junho de de 1940), mas hoje já sabe que foi encontro do Shield com Wizard da MLJ (atual Archie), publicado em maio de 1940, o Sean Howe postou no tumblr http://seanhowe.tumblr.com/post/110586710852/the-very-first-superhero-crossover-1940-top-mlj

    Heróis Renascem termina com um crossover com herói da Wildstorm, mas não saiu aqui.

    Tarzan e King Kong é um livro

  • Luiz Magno

    Aproveito o podcast para deixar aqui algumas dúvidas:

    – Se Magneto é o mestre do magnetismo ele pode erguer o Mjolnir?

    – Numa luta entre Magneto e Gravitron quem vence?

    – Se o “imexível” Blob encontra o “imparável” Fanático o que acontece? (ah, essa é fácil e já foi respondida em Grandes Astros Superman: eles se rendem).

    • Marcelo Naranjo

      A primeira é fácil: não, ele não é digno, e Mjolnir envolve magia ;-)

    • Pedro Bouça

      – Magneto poderia erguer o Mjolnir com seus poderes. Máquinas podem levantar o martelo e ele não esmaga as mesas em que é colocado! Ele não pode é erguer o martelo com as MÃOS nem, mais importante, usar os seus poderes.

      – A gravidade tem um efeito mais amplo do que o magnetismo, então se fosse uma questão de poder seria o Graviton. Mas ele é um idiota, enquanto o Magneto é inteligente, então meu dinheiro está no mestre do magnetismo.

      – Essa é fácil. Com o impacto, o Fanático para e o Blob voa longe. ;-)

  • Rafael Monteiro de Castro

    Fala, Confins!

    Eu lembro que o crossover X-Men vs Star Trek chegou a ser anunciado pela Abril, era desenhado por Marc Silvestri, se não me engano, mas depois não foi publicado. Alguém lembra porquê? Abraço!

    • Sim, teve um outro crossover em livro com a Nova Geração em 1998 chamado Planet X, a capa brasileira era do Roger Cruz, comentam a semelhança entre o Xavier e o Jean-Luc Picard, já que o Patrick Stewart tinha sido escalado pra ser o Xavier nos cinemas

  • WAGNER TORRES

    Acho que deveriam ter gasto um pouco mais de tempo falando do encontro BATMAN X PREDADOR, o primeiro. Para mim é um dos melhores e daria um bom roteiro de filme, rssss…

    • Pedro Bouça

      O segundo é bom também. Diria até melhor.

      Mas até aí, três dos quatro crossovers do Dredd com o Batman são ótimos (e o do Lobo é bem divertido), mas eles só foram mencionados de passagem.

  • Wilson Pereira Jr.

    Nunca pensaram num cross-over entre Charlie Brown e Calvin & Hobbes? rs

  • Marcelo Naranjo

    Lembrando que falamos somente sobre crossovers entre editoras e franquias diferentes, senão a gravação duraria dois meses kkkkkk

  • Star Trek tiveram dois crossovers, um em quadrinhos com a série clássica (inédito aqui) e outro em livro com a Nova Geração chamado Planet X, escrito pelo Michael Jan Friedman e publicado em 1998, aqui saiu pela Meia Sete Editora (que publicava Scfi-News) com capa do Roger Cruz, engraçado que como o Patrick Stewart já tinha sido escalado pra fazer o Xavier, os personagens comentando as semelhanças do Xavier com o Jean-Luc Picard.

  • Marcelo Pinheiro de Vasconcell

    Adorei o tema. Muito bom. Acho que tenho na minha coleção quase todos os encontros que foram publicados no Brasil. As primeiras da década de 1980 são ótimas e históricas.

  • adoro crossovers, desde Titans e X-Men do grande WalterSimonson . E mesmo quando são ruins, ainda valem pela curiosidade. O Vingadores e Liga é bacana, pena que levou tanto tempo para se entenderem.
    A primeira versão, cancelada nos anos 80 seria a ideal
    Imagina isso. Perez no Auge, em 1983, formações clássicas dos dois Grupos.
    http://marvel1980s.blogspot.com.br/2011/06/1983-jlaavengers-crossover-also-known.html
    Pena que não rolou. Mas gosto do que acabou sendo feito

  • Atualmente ta saindo o crossover Planeta dos Macacos e King Kong do BOOM! Studios. tenho curiosidade. O Planeta dos Macacos e Lanterna Verde tbm pareceu legal. Capa do Ross sempre ajuda

  • James Howllet

    Ok, não é o objetivo do podcast, mas acho que em até 20 anos DC e Marvel vão estar sob o jugo da mesma empresa.

    • Alessandro Souza

      Sim, como os mamutes e os smilodons estão hoje…

  • Alessandro Souza

    O grande Jim Starlin criou um cruzamento interessante. Em uma historia de Adam Warlock publicada em 1977 pela Marvel o campeão da vida enfrentou um inimigo chamado “Ladrão de Estrelas”, alter ego de um homem chamado Barry Baumann. Na historia aparecem um hospital e dois médicos. Essa história saiu em Heróis da TV 48 da abril. Mais tarde na Warren, Starlin criou na conclusão da saga de Darklon, o mistico, uma referência ao hospital, os médicos e até a Barry Baumann. Esse material saiu na Kripta da Rge.

    • Luiz Magno

      Eu li essas duas histórias (em épocas diferentes) e não havia notado a ligação. Obrigado pela informação.

  • Claudio Basilio

    Olá!
    .
    Meu nome é Cláudio e eu sou o autor do artigo sobre o “crossover brasileiro” entre o Tocha Humana e o Capitão Marvel (Shazam) citado no podcast. Tal textinho ridículo foi escrito em 2010 e publicado no meu finado blog, mas eu fico muito envaidecido (e um pouco metido a besta, confesso!) em saber que uma produção minha foi citada pela equipe responsável pelo melhor site de quadrinhos do Brasil! Dito isso eu agradeço a todos vocês e peço encarecidamente que continuem com o seu bom trabalho tanto na publicação de noticias no site quanto nos podcasts, que são ótimos! Obrigado!
    .
    P.S.: Com a licença de vocês, irei postar aqui um link para o meu artigo:
    .
    http://gibicomics.blogspot.com.br/2010/10/curiosidade-036-tocha-humana-shazam.html

    • Sidney Gusman

      Claudio, muito obrigado pelo acréscimo!

      Abraço

  • Adriano de Oliveira Ferreira

    esse ano comecamos com tudo!!!

  • Stephan

    Será que algum dia haverá mais crossovers entre Marvel e DC? E por que será que nunca houve um entre os personagens da Dark Horse e a Marvel?

  • A Dynamite publicou “Pathfinder Worldscape”, misturando John Carter, Red Sonja e Tarzan com os personagens do RPG Pathfinder, da editora Paizo.

  • Luiz Magno

    Mais alguns crossovers:

    – Batman e Capitão América
    – Liga da Justiça e Witchblade
    – Wolverine e Witchblade
    – Usagi Yojimbo e Tartarugas Ninjas (desenho animado dos anos 80)
    – Equipe X (Marvel) e Team 7 (WildStorm)
    – Capitão Marvel (Shazam) e Escola de Heróis (Filmation)
    – Thor e Conan (What If)
    – Homem-Aranha e Sonja

    Curiosidades:

    O crossover Batman e Capitão América se passa nos anos 40 e tem como vilões Coringa e Caveira Vermelha. No final, o Coringa aparentemente morre numa explosão. Mas na mini-série Gerações, Batman diz que o Coringa sobreviveu à explosão. Ou seja, o crossover faz parte da cronologia desse elseworld. John Byrne escreveu as duas HQs.

    Os eventos da mini-série Liga da Justiça/Vingadores fizeram parte da cronologia vigente da DC na época. Kurt Busiek escreveu na revista mensal da Liga um arco chamado “Regras do Sindicato”, onde são citados Krona e o Ovo Cósmico.

  • Rodrigo Mokepon

    Infelizmente não encontrei mais detalhes, mas existe um crossover bem inusitado: Popeye, Gato Felix e Sítio do Pica pau amarelo. Lobato era fã de animações infantis, e adicionou uma visita destes personagens no sítio. Ou melhor quase. Bem, o Popeye não lembro os detalhes, mas o Felix aparece em reinações de Narizinho. Primeiro é um gato fingindo ser o Félix (o infeliz devora uns pintinhos e o Príncipe Escamado), mas depois o original aparece no circo das crianças.

  • Marcelo Tristão

    Gostei muito do podcast. Muitas lembranças. Segue alguns comentários:

    Segundo li em diversos lugares, a DC não ganhou o processo contra a Fawcett. Na verdade, na década de 50, a Fawcett já andava mal das pernas como muitas editoras americanas e ficou sem dinheiro para pagar os advogados e desistiu de se defender do processo. A DC ficou com os direitos do Capitão Marvel e família para pagar as custas.

    O encontro do Superman com o He-Man (DCP 47) custou, mas saiu no Brasil em 2014 como extra do encadernado Universo DC Vs He-Man e Os Mestres do Universo da Panini.

    Em relação ao crossover da Rutland Halloween Parade, acho que faltou dizer que tudo foi uma brincadeira entre os amigos Steve Englehart, Len Wein e Gerry Conway e que tudo isso foi feito sem o conhecimento das editoras.

    Na verdade, o crossover “Quando Mundos Colidem” (Milestone e DC) teve 14 partes, publicadas em 6 edições de Superboy, 1ª série (#9 a #14).

    Acho que faltou comentar a “cagada” que a Editora Abril fez ao publicar Super-Homem Contra Homem-Aranha n° 2. Na versão original americana de 1981, Superman trabalhava para a Galaxy Comunication, como repórter de TV. Como na época que a Abril publicou o encontro (1989), já havia acontecido a reformulação de John Byrne, resolveram redesenhar personagens, trocar falas, etc. para parecer que aquele encontro era atual. Terrível!!!

    Estava com saudades de um podcast sobre quadrinhos de super-heróis! ;)

  • Murphy do Sealab

    Vale lembrar que esse ano a Pipoca e Nanquim publicará o volume 2 de Beasts of Burden -, onde rola um crossover dos bichinhos com o Hellboy.

  • Giovani Pessanha Guimaraes

    Amigos lá dos Confins do Universo, parabéns por mais um podcast de excelente qualidade. Gostaria de citar um crossovers que na minha opinião ( de bosta) ficou um pouco aquém do que eu esperava, isso por conta dos personagens envolvidos, dos quais sou muito fã. E também por conta da qualidade da equipe criativa, no caso Walter Simonson e Lee Weeks. Que seria Tarzan Vs predador. Quando ouvi falar deste titulo minha cabeça explodiu pois era algo que parecia fazer todo o sentido do mundo para mim. Quanto a pergunta feita pelo menino Samir a resposta obvia é Confins do Universo e Desafiadores do Desconhecido.

  • Parabéns, mas um ótimo Podcast!

    Acho que faltou apenas comentarem quais crossovers vocês gostariam de ver.

    Os meus seriam:
    Fantasma/Highlander (explorando a “imortalidade” dos personagens);
    Speed Racer/Michel Vaillant (numa grande corrida);
    Popeye/Recruta Zero (com destaque para Brutos e Sgt Tainha se estapiando); e
    Astronauta/Nathan Never (numa Graphic MSP editada pelo Sidão)

    Entre os encontros Marvel/DC, Novos Titãs/X-Men e Batman/Capitão América são os que mais gosto.

    Gde Abraço!

  • Rodrigo Salamandac

    Vim aqui justamente para trazer essa informação, rs. E concordo, excelente podcast =]