Um retrato fiel do mercado

Por Equipe UHQ
Data: 3 março, 2001

As principais editoras de quadrinhos do Brasil juntas, no Universo HQ

 

Como foi o ano 2000 para o mercado de quadrinhos no Brasil? O que esperar de novidades, por parte das editoras, em 2001? O que fazer para reverter a atual crise do mercado? Como ficarão os preços das revistas? Os quadrinhos sumirão das bancas e ocuparão mais espaço nas livrarias? Os super-heróis estão perdendo espaço no Brasil? A segmentação mercado, com títulos dos mais variados disputando a preferência dos leitores, chegou para ficar?

Essas e outras perguntas são feitas freqüentemente pelos leitores de histórias em quadrinhos do Brasil inteiro.

Por isso, o Universo HQ resolveu ir direto à fonte! Ou melhor, às fontes, pois, PELA PRIMEIRA VEZ NO BRASIL, um veículo de comunicação junta as principais editoras de quadrinhos, para responder estas e outras questões.

As entrevistas foram individuais e, para evitar injustiças, seguiram o mesmo critério: 15 perguntas, sendo 10 uniformes para todos os editores; e 5 específicas. Dessa forma, podemos proporcionar a você, leitor, a oportunidade de saber o que pensam os responsáveis pela publicação de seus títulos favoritos; e quais os projetos de cada editora.

Agora, é com você! Clique no logotipo de cada editora e faça sua análise!

As editoras estão dispostas por ordem alfabética.

De todas as editoras contatadas pelo Universo HQ, apenas a Tendência, que publica Ken Parker, não respondeu a entrevista.

Páginas: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12

• Outros artigos escritos por

.